Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 26 de agosto de 2019.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

música

Edição impressa de 26/08/2019. Alterada em 25/08 às 23h50min

Projeto leva choro ao foyer do Theatro São Pedro amanhã

Luis Barcelos toca amanhã no Foyer do Theatro São Pedro

Luis Barcelos toca amanhã no Foyer do Theatro São Pedro


BEL JUNQUEIRA/DIVULGAÇÃO/JC
Considerado um dos principais bandolinistas brasileiros em atividade, Luis Barcelos é a atração desta terça-feira (27) no projeto O choro é livre. A apresentação acontece no Foyer Nobre do Theatro São Pedro (praça Mal. Deodoro, s/nº), às 18h30min, com entrada franca.
Considerado um dos principais bandolinistas brasileiros em atividade, Luis Barcelos é a atração desta terça-feira (27) no projeto O choro é livre. A apresentação acontece no Foyer Nobre do Theatro São Pedro (praça Mal. Deodoro, s/nº), às 18h30min, com entrada franca.
Gaúcho radicado no Rio de Janeiro desde 2005, Barcelos tem feito parcerias com vários artistas importantes na música brasileira, e lançou seu álbum de estreia, Depois das cinzas, em 2015. No ano seguinte, venceu o Prêmio da Música Brasileira na categoria melhor grupo, como integrante do projeto Tocata à amizade, liderado por Yamandu Costa. No mesmo ano, foi agraciado com o Independent Music Awards na categoria música latina, pelo disco Só alegria, gravado em parceria com Rogério Caetano, Eduardo Neves e Celsinho Silva.
O segundo disco solo de sua carreira, Sentido, foi lançado em 2018. No show de amanhã, Barcelos estará acompanhado por Mathias Pinto (violão), Fejão (pandeiro) e Alexandre Susin (cavaquinho), além da participação especial de Lucian Krolow (flauta).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia