Porto Alegre, quinta-feira, 23 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 23 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Gente

- Publicada em 15h26min, 31/12/2019. Atualizada em 15h37min, 31/12/2019.

Cantor sertanejo Juliano Cezar morre após sofrer parada cardíaca durante show

Juliano Cezar ficou conhecido pela música 'Não Aprendi Dizer Adeus'

Juliano Cezar ficou conhecido pela música 'Não Aprendi Dizer Adeus'


ASSESSORIA DE IMPRENSA CANTOR JULIANO CEZAR/DIVULGAÇÃO/JC
O cantor sertanejo Juliano Cezar morreu na madrugada desta terça-feira (31), após sofrer uma parada cardíaca durante um show na cidade de Uniflor, no interior do Paraná. De acordo com a assessoria de imprensa do artista, o velório será realizado na cidade de Passos, em Minas Gerais, onde o cantor nasceu. Os horários do velório e do sepultamento ainda não foram divulgados.
O cantor sertanejo Juliano Cezar morreu na madrugada desta terça-feira (31), após sofrer uma parada cardíaca durante um show na cidade de Uniflor, no interior do Paraná. De acordo com a assessoria de imprensa do artista, o velório será realizado na cidade de Passos, em Minas Gerais, onde o cantor nasceu. Os horários do velório e do sepultamento ainda não foram divulgados.
Com mais de 30 anos de carreira, Juliano Cezar ficou conhecido no cenário musical com a canção "Não Aprendi Dizer Adeus", que rendeu ao cantor o Prêmio Sharp. O artista também foi indicado ao Grammy Latino como melhor álbum romântico.
No Instagram, o cantor sertanejo Sorocaba lamentou a morte de Juliano Cezar: "descanse em paz Cowboy. Sempre que a gente se encontrava nas estradas da vida era assim... só alegria!... E quem diria que esse seria nosso último encontro! Você foi muito importante para nós e para música sertaneja. Obrigado por tudo", escreveu.
Comentários CORRIGIR TEXTO