Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de junho de 2017. Atualizado às 15h56.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Bebidas

08/06/2017 - 15h59min. Alterada em 08/06 às 16h00min

Coca-Cola anuncia lançamento da Fanta Guaraná e briga por liderança com a Ambev

Coca-Cola anunciou lançamento da Fanta Guaraná

Coca-Cola anunciou lançamento da Fanta Guaraná


COCA-COLA/DIVULGAÇÃO/JC
A Coca-Cola Brasil anunciou nesta quarta-feira (7), o lançamento do Fanta Guaraná, que deve chegar às prateleiras dos supermercados até o dia 15 de junho. Já disponível nas versões laranja e uva, a família Fanta é a segunda maior marca da gigante de bebidas no País.
Com o novo produto, a marca entra na disputa pela liderança no segmento, que hoje pertence ao Guaraná Antártica, da Ambev. "Depois de um quinquênio com foco no patrocínio à Copa do Mundo e aos Jogos Olímpicos por meio da ativação da marca Coca-Cola, anunciamos em 2017 um investimento do Sistema de R$ 3,2 bilhões - e podemos afirmar que Fanta recebeu uma significativa fatia desse valor", diz Flavio Camelier, vice-presidente de Operações da Coca-Cola Brasil.
O produto terá embalagens disponíveis em todas as versões já lançadas para as demais variações da marca, inclusive retornáveis. A opção zero açúcar, porém, só virá em setembro.
O Fanta Guaraná não é o único produto desse tipo no portfólio da Coca-Cola, que continuará com o guaraná Kuat, as marcas regionais Taí, Simba, Charrua, Tuchaua versões claro e escuro, além do posicionamento premium com o Guaraná Jesus em mercados como São Paulo, por exemplo. O guaraná de todos esses produtos é 100% proveniente do Amazonas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia