Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Galeria de imagens

Galeria de imagens

- Publicada em 21 de Junho de 2022 às 17:09

RGE e Polícia fazem cerco a ligações clandestinas na Região Metropolitana

A operação ocorreu no bairro Santos Dumont, em São Leopoldo

A operação ocorreu no bairro Santos Dumont, em São Leopoldo


RGE/Divulgação/JC
Um mercado e uma oficina foram alvo de operação de combate a fraudes e furtos de energia elétrica na cidade de São Leopoldo, na Região Metropolitana de Porto Alegre, nessa segunda-feira (20). A ação da Polícia Civil, acompanhada pela RGE, identificou uma ligação direta à rede da companhia elétrica, que abastecia os dois estabelecimentos de maneira irregular. Duas pessoas, identificadas como proprietárias dos negócios, foram presas em flagrante por furto de energia e liberadas após pagamento de fiança. Além de caracterizar crime, o furto de energia pode ocasionar acidentes com risco à vida e interrupção no fornecimento de energia para uma grande região. Segundo a RGE, para cobrar os valores não pagos de quem furta energia, é feito o cálculo do que foi consumido e emitida a fatura.
Um mercado e uma oficina foram alvo de operação de combate a fraudes e furtos de energia elétrica na cidade de São Leopoldo, na Região Metropolitana de Porto Alegre, nessa segunda-feira (20). A ação da Polícia Civil, acompanhada pela RGE, identificou uma ligação direta à rede da companhia elétrica, que abastecia os dois estabelecimentos de maneira irregular. Duas pessoas, identificadas como proprietárias dos negócios, foram presas em flagrante por furto de energia e liberadas após pagamento de fiança. Além de caracterizar crime, o furto de energia pode ocasionar acidentes com risco à vida e interrupção no fornecimento de energia para uma grande região. Segundo a RGE, para cobrar os valores não pagos de quem furta energia, é feito o cálculo do que foi consumido e emitida a fatura.
Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO