Porto Alegre, terça-feira, 28 de julho de 2020.
Dia do Agricultor .

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
terça-feira, 28 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

- Publicada em 14h44min, 28/07/2020. Atualizada em 19h28min, 28/07/2020.

James Tip aposta em Inteligência Artificial para aumentar vendas em lojas de conveniência

D'Masseroni destaca parceria com Linx para a escalada dos negócios

D'Masseroni destaca parceria com Linx para a escalada dos negócios


James Tip/Divulgação/JC
Startup focada em Inteligência Artificial (IA) para gestão de estoque, a James Tip aposta no mercado de conveniência para acelerar no mercado. A expectativa é que esses estabelecimentos passem a gerir os negócios de forma mais inteligente e reduzam custos comuns neste mercado.
Startup focada em Inteligência Artificial (IA) para gestão de estoque, a James Tip aposta no mercado de conveniência para acelerar no mercado. A expectativa é que esses estabelecimentos passem a gerir os negócios de forma mais inteligente e reduzam custos comuns neste mercado.
“As lojas de conveniência serão os novos supermercados de bairro. É um ambiente de experiência e de oportunidade ao consumidor. Fora que os postos podem aumentar a margem mais na loja do que na pista, que tem pouca variedade de combustíveis para comercializar”, relata Guilherme D'Masseroni, sócio da James Tip, destacando que conveniência, o dono do posto pode ter 3 mil produtos e com margens mais interessantes.
Para isso, a startup passa a contar com um parceiro de peso, a Linx, uma das líderes em tecnologia para o varejo, que passará a levar uma administração automatizada a esses lojistas através da solução da startup gaúcha. “Além de ganharmos capilaridade a partir dessa aliança, contribuiremos para uma nova era na atuação da gigante de tecnologia, iniciando pelo segmento de conveniência”, avalia D'Masseroni.
A solução da James Tip é baseada em uma plataforma ágil e compatível com os principais sistemas de gestão (ERP) e soluções de Business Intelligence (BI) de mercado. A Inteligência Artificial oferece ao varejista um sistema preditivo com ações para melhorar a compra e a venda dos produtos com base no perfil dos clientes.
A estimativa é que os varejistas sofrem, em média, de 7% a 15% por mês com produtos em rupturas e excessos em seus estoques. Em uma avaliação de 12 lojas de conveniência com sistemas Linx, realizado entre outubro e dezembro de 2019, a aplicação da solução da James Tip resultou em um ganho de R$ 333 mil no fluxo de caixa dos varejistas, R$ 5,8 mil a mais em faturamento, além da redução de R$ 134 mil no custo de estoques e R$ 188 mil em compras, sendo todos estes os valores das médias por mês.
“Esta parceria reforça os sistemas de nossos varejistas de lojas de conveniência, mas não se limita apenas a este segmento. A solução permite uma gestão de inventário eficiente, fator que impacta diretamente no fluxo de caixa e é uma das principais dores dos varejistas”, afirma o gerente do segmento de Postos e Conveniência na Linx, Samuel Carvalho. A empresa tem 42,2% de marketshare no mercado de software de gestão, segundo o IDC.
D'Masseroni explica que hoje em dia, inclusive com a pandemia, os comportamentos de consumo dos clientes estão mudando muito rapidamente. A solução do James Tip, então, atende o desafio do varejo de saber quanto, quando e quais produtos serão consumidos/adquiridos. “Prevemos a venda para que o comprador compre sem excesso nem perda de venda. Não existe bola de cristal, mas como a IA conseguimos olhar para o futuro do varejo, ajudando o empresário a comprar e vender certo”, relata.
Comentários CORRIGIR TEXTO