Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de dezembro de 2016. Atualizado às 21h11.

Jornal do Comércio

Viver

COMENTAR | CORRIGIR

música

Notícia da edição impressa de 23/12/2016. Alterada em 22/12 às 16h52min

Sucesso duradouro

O samba Poconé, da banda Skank, completa 20 anos

O samba Poconé, da banda Skank, completa 20 anos


WEBER P/DIVULGAÇÃO/JC
Há 20 anos, o Skank lançava um dos discos mais importantes de sua carreira, O samba Poconé. Para celebrar sucessos como Garota nacional, É uma partida de futebol, Tão seu e Os exilados, presentes no álbum, a banda mineira lança uma edição especial do trabalho, com versões das primeiras gravações, faixas em espanhol e uma inédita, Minas com Bahia, que não entrou no CD na época.
"Esse disco foi o nosso terceiro, mas acaba sendo especial porque o anterior, Calango, tinha ido muito bem. Imagina a pressão para fazer um novo disco dar certo", lembra o baterista Haroldo Ferreti, que tem quase todos os registros guardados.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia