Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 03 de junho de 2018.
Dia Mundial do Administrador de Pessoal.

Jornal do Comércio

Empresas & Negócios

COMENTAR | CORRIGIR

Responsabilidade Social

Notícia da edição impressa de 04/06/2018. Alterada em 01/06 às 18h56min

Protagonistas da festa

Respira Solidariedade - Responsabilidade Social - crédito Jac Oliveira

Respira Solidariedade - Responsabilidade Social - crédito Jac Oliveira


/fotos JAC OLIVEIRA/DIVULGAÇÃO/JC
Eduardo Lesina
Comemorar o aniversário pode parecer algo simples, mas nem todos têm essa oportunidade. O antigo costume - que tem suas primeiras menções em 3000 a.C., no Egito antigo - tem uma forte ligação com a celebração no ambiente familiar. Essa ligação se reflete diretamente na vida de quem ainda espera por uma família.
Pensando nessa realidade, o projeto "Respira Solidariedade", organizado pela empresa Respira Eventos, em parceria com a Instituição Calábria, surgiu para trazer a festa àqueles que não tiveram essa opção. Criando a ideia de um "mêsversário", no qual todos os aniversariantes do mês são reunidos em uma festa conjunta, o projeto se encaminha para a sua terceira edição.
O Respira Solidariedade nasceu da iniciativa da proprietária da empresa Respira Eventos, Maria Eduarda Santos, em dezembro de 2017, refletindo sobre quem não tem a possibilidade de comemorar o seu dia e, principalmente, formar um protagonismo nas crianças. Por meio de um primeiro contato com o Ministério Público (MP), a produtora de eventos percebeu que não seria tão simples realizar o projeto sozinha: "É muito delicado fazer projetos com crianças". Após esse primeiro contato com o poder público, o MP destinou a Instituição Calábria, que atua em Porto Alegre desde 1962 e atende 52 crianças, como parceira do projeto. A instituição atende crianças com idades de um a 17 anos e tem como missão propiciar o desenvolvimento das pessoas em situação de vulnerabilidade, através da acolhida e da formação humana.
A parceria gerou seus primeiros resultados práticos em março deste ano: a estreia do evento de aniversário para as crianças, com a temática "Todas as cores". A festa compreendeu todos os aniversariantes de fevereiro e março - 11 no total - e apresentou a prática da festividade às crianças. "Na primeira edição, a gente via o distanciamento das crianças com a festa em si, nas coisas mais simples para nós, como cantar parabéns", explica Maria Eduarda.
Além de apresentar o que é uma festa de aniversário para as crianças, o evento serviu para demonstrar aos organizadores o afastamento delas com os conceitos da festa, resultando no choque de realidade sentido através do olhar impressionado dos pequenos.
Para atender aos gostos dos protagonistas da festa, a organização aplica um questionário com as crianças. Dos resultados obtidos através da entrevista se forma a temática escolhida para o dia. A primeira edição, devido ao distanciamento com o objeto, fez com que as crianças tivessem que pensar muito no que pedir: "os primeiros não tinham noção do que pedir em uma festa de aniversário", aponta Maria Eduarda. Entretanto, ela garante que, depois da primeira festa, as outras se tornaram mais fáceis de coordenar.
A segunda edição, no mês de abril deste ano, foi especialmente feminina: quatro adentraram na temática "Sonho de meninas" e tiveram seu dia como personagens principais. A festa contou com a presença do DJ Lê Araújo e com um pocket show do MC Jean Paul. Já a terceira edição contemplará quatro novos aniversariantes: duas meninas e dois meninos. A temática será dividida também: enquanto as meninas optaram por "Tempo de sonhar", os meninos escolheram a ideia de "Juntos somos invencíveis", pensando nos seus heróis favoritos.
Os detalhes de produção, como o questionário prévio e a complexidade da equipe, são aspectos muito firmes na realização das festas. Segundo Maria Eduarda, esses detalhes são trabalhados com a mesma seriedade com que a Respira Eventos trata seus clientes: "não podemos ter essa diferenciação por se tratar de um projeto social".
Os presentes provêm de uma outra parceria da produtora com um grupo de mulheres. Através do questionário respondido, 52 mulheres se dividem e compram os regalos para cada criança.
 

Parcerias realizam sonhos

A experiência de Maria Eduarda no mercado fez com que o projeto angariasse muitos colaboradores. Os 9 anos de experiência no mercado trouxeram contatos que aceitaram participar e fazem o sonho se tornar realidade. "Conhecia muita gente da área, então acabei acionando eles primeiro e a aceitação foi muito boa", conta.
Nessas parcerias, Maria Eduarda conseguiu agregar companheiros para tudo que precisa em uma festa de aniversário: carrinho de pipoca, identidade visual, vídeos e imagens das crianças em um telão durante a comemoração, espaço de recreação, bebidas, materiais de decoração, gastronomia e fotografia. No caso de materiais descartáveis e outros custos em que a produtora não recebe um parceiro da área, a Incorporadora Domix providencia junto a Respira Eventos e a Instituição Calábria. "Só consigo executar porque tem muita gente que me ajuda", completa.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia