Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 29 de junho de 2017. Atualizado às 23h06.

Jornal do Comércio

Viver

COMENTAR | CORRIGIR

CINEMA

Notícia da edição impressa de 30/06/2017. Alterada em 29/06 às 17h52min

Trajetória musical

Parceiro de Gonzagão, João Silva é tema do documentário Danado de bom

Parceiro de Gonzagão, João Silva é tema do documentário Danado de bom


INQUIETAÇÃO FILMES/DIVULGAÇÃO/JC
Grande vencedor do Cine PE 2016, o documentário Danado de bom lembra a trajetória de João Silva, parceiro constante de Luiz Gonzaga. O filme acompanha uma viagem do compositor de volta a Arcoverde, cidade onde nasceu, no agreste de Pernambuco.
Dominguinhos, Trio Nordestino, Elba Ramalho, Mariana Aydar, Zeca Baleiro, Gilberto Gil e Lenine também participam do filme - com depoimentos ou interpretações das músicas do homenageado. O músico faleceu antes de ver o documentário finalizado.
De menino andarilho e semianalfabeto, ele se tornou compositor de sucessos como Pagode russo, Nem se despediu de mim e Danado de bom. A canção que dá nome ao longa também é título de LP de Gonzagão, produzido por Silva. Já a direção do longa é de Deby Brennand.
No Cine PE, o documentário ganhou os prêmios de melhor filme, fotografia, montagem e edição de som. A produção também foi selecionada para festivais, como o É Tudo Verdade e o 8º IN-EDIT Brasil, no qual recebeu uma menção honrosa do júri.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia