Encontrar a melhor estratégia é o principal desafio dos profissionais de mídia



Logo Grupo de Mídia - Marcas de Quem Decide
Crédito: /

A mídia se manifesta das mais diferentes formas. A televisão e o cinema, por exemplo, exploram principalmente imagens e sons. O rádio, através do som, trabalha fortemente o imaginário do ouvinte. Jornais, revistas, outdoors, folders e flyers nos mostram que o impresso é e sempre continuará sendo muito importante. Entender o papel das mídias é o primeiro passo para distinguir qual a melhor forma de se comunicar com o público que se quer atingir. E esse é apenas um dos muitos desafios que envolvem o dia a dia dos profissionais de mídia.
Criado com o objetivo de congregar publicitários que exercem atividade profissional na área de mídia para debater ideias, trocar experiências e buscar atualização, foi fundado, em 1976, o Grupo de Mídia do Rio Grande do Sul. Entre as diversas atividades do Grupo, está o Top of Mídia, premiação que busca reconhecer cases de mídia que se destacaram durante o ano. A fim de conhecer um pouco mais as atividades e iniciativas que envolvem a entidade, conversamos com a diretoria do Grupo de Mídia RS.
Marcas de Quem Decide - Quais são atualmente os principais desafios enfrentados pelos profissionais de Mídia das agências?
Grupo de Mídia RS - Além dos desafios usuais, como atualização e desenvolvimento profissional, o maior desafio é mostrar no dia a dia, tanto para a agência quanto para o cliente, que nossas contribuições e a gestão correta da verba são fundamentais para a conquista de sucesso nas campanhas e, consequentemente, planejamento estratégico.
MDQD - Como atingir simultaneamente diferentes gerações (X, Y, Z) com hábitos tão distintos? Quais as ferramentas utilizadas para entender como esses consumidores reagem à publicidade para poder criar uma comunicação mais eficiente?
Grupo de Mídia RS - Atingir simultaneamente diferentes gerações é um desafio diário das marcas que trabalham com grandes volumes. Geralmente utilizamos softwares de consumo de mídia e de comportamento para entender quais os meios e veículos mais adequados para atingir targets diferentes com rentabilidade - no mercado temos bons parceiros para isso, como Ibope, Ipsos Marplan, ComScore, Postmetria, Pointlogic. Uma postura que devemos ter diante deste desafio é aceitar trabalhar em beta, fazermos mais experiências pequenas e pontuais para coletar aprendizados e, a partir deles, fazer com maior convicção os esforços mais robustos.
MDQD - Os veículos de comunicação têm vivido uma série de transformações para se adaptar às novas realidades do mercado e às exigências dos consumidores. Qual o real valor dessas transformações? Eles estão no caminho certo?
Grupo de Mídia RS - Estas transformações são essenciais, pois quem não se adaptar vai acabar perdendo sua fatia no mercado. Empresas engessadas, sem abertura para negociações ou formatos e períodos diferenciados não terão condições de gerar negócios. Se os modelos estão certos, só saberemos com a prática, mas o importante é não ficar parado.
MDQD - O impresso ainda é importante? Como enxerga individualmente o papel do jornal, das rádios, das emissoras de televisão, das revistas, sites e redes sociais?
Grupo de Mídia RS - O impresso é importante e vai continuar sendo por anos ainda, basta vermos a quantidade de títulos que temos de jornais e revistas no país - e o mesmo acontece no mundo todo, com grandes títulos que seguem fortes apesar de todo o avanço tecnológico. Jornal sempre traz credibilidade às mensagens, tanto ao conteúdo jornalístico quanto às marcas que utilizam seus espaços. Rádio tem uma enorme abrangência, que nos possibilita entregar aos anunciantes um ótimo retorno com um investimento justo. Televisão ainda continua sendo o meio mais consumido pela população brasileira e, junto com a internet, é o carro-chefe das campanhas. Acima de tudo, seja em que meio ou plataforma for, acreditamos que as pessoas querem news (e que sejam confiáveis) e conteúdo relevante para suas necessidades específicas (com prestação de serviços), é isso que precisamos ter em mente!
MDQD - Quando e por que foi criado o Prêmio Top of Mídia? Como surgiu a ideia? Quando será a próxima edição?
Grupo de Mídia RS - A premiação foi criada pelo nosso colega e fundador do Grupo de Mídia no RS, Luis Fernando Martins. Profissionais de mídia sentiam falta de uma premiação da área, já que existiam troféus reconhecendo o trabalho de outras áreas dentro da propaganda. Entendemos que Publicidade não pode ser baseada somente em uma boa ideia, precisa de uma estratégia de mídia eficiente e inovadora para colocar essa campanha na rua para ser vista pelos consumidores certos. A premiação acontece em data próxima ao Dia do Mídia (21/06), então a próxima edição será entre os dias 19 e 23/06.
Evento de premiação Top of Mídia RS 2016
 
 
MDQD - Que outras ações do Grupo de Mídia RS podem ser destacadas?
Grupo de Mídia RS - Todos os anos temos mantido nosso principal objetivo, que é a qualificação e desenvolvimento do profissional de mídia, oferecendo cursos para nossos sócios em parceria com grandes universidades do Estado, como o que tivemos ano passado - Gerenciamento de Projetos, na Unisinos -, além de palestras e workshops em parceria com veículos e empresas especializadas. Queremos extrapolar as temáticas usuais do universo de mídias, tratando de temas mais amplos e direcionados ao consumidor e aos negócios, como Neurociência, Inovação e Tecnologia, Organizações Exponenciais e outras temáticas que nos conectem com todos os movimentos maiores do mercado da comunicação.

Publicado em 27/03/2017.