Porto Alegre, segunda-feira, 09 de setembro de 2019.
Dia do Administrador e do Médico Veterinário.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

COMENTAR | CORRIGIR

Infraestrutura

02/06/2019 - 15h42min. Alterada em 09/09 às 09h55min

Aeroporto de Porto Alegre ganha novo edifício-garagem com mais de mil vagas

A nova estrutura, com cinco pavimentos e 1.050 vagas para automóveis, fica em frente ao Terminal 1

A nova estrutura, com cinco pavimentos e 1.050 vagas para automóveis, fica em frente ao Terminal 1


MARCO QUINTANA/JC
O Aeroporto Internacional Salgado Filho, agora Porto Alegre Airport, ganhou reforço de vagas para estacionar. Fraport Brasil, nova concessionário do complexo aeroportuário, comunicou neste fim de semana que concluiu a construção do novo edifício-garagem e repassou à administradora Estapar, que já está operando o serviço.
A estrutura, com cinco pavimentos e 1.050 vagas para automóveis, fica em frente ao Terminal 1, ao lado do edifício mais antigo. A construção faz parte do contrato de concessão. A Fraport assumiu o complexo no começo de 2018.
Com o novo edifício e o mais antigo, o aeroporto contará com 2.805 vagas na área do Terminal 1. A Fraport informou ainda que, "após todas as obras e readequações ainda em curso, os espaços disponíveis para estacionamento contemplarão um total de 4,3 mil vagas".
A concessionária informou ainda que em breve vai liberar a utilização da escada rolante instalada na área atual de check-in, ligando o 2º piso ao 3º. O equipamento facilitará o fluxo de passageiros para o embarque, diz a empresa.
Outras obras começam este mês na atual sala de embarque doméstico, que passará por reforma com readequações, o chamado retrofit. Até o final do terceiro trimestre, a antiga área de check-in no 2º piso do Terminal 1 estará pronta para o fluxo dos voos internacionais.
A nova área de check-in inaugurada em abril será exclusiva para voos domésticos. Outra novidade é uma segunda esteira de bagagem para desembarque dos voos oriundos do exterior.
Uma das grandes mudanças deste ano será a migração do embarque e desembarque da companhia Azul do Terminal 2, onde era o antigo aeroporto, para o Terminal 1. "Sendo assim, todas as operações serão concentradas em um único terminal (1). O Terminal 2 abrigará somente a Torre de Controle e os escritórios da Fraport Brasil", explica a concessionária.
O conjunto de obras e as melhorias vão somar investimento de R$ 1,8 bilhão, 60% financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (Bndes). A expansão do terminal 1 deve ficar pronta até outubro 2019. Já a ampliação da pista de pousos e decolagens dos atuais 2.280 metros para 3.200 metros deve ser entregue até 2021, conforme contrato firmado com a Agência Nacional de Aviação (Anac).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia

EXPEDIENTE