Porto Alegre, quinta-feira, 28 de outubro de 2021.
Dia do Funcionário Público. Dia de São Judas Tadeu.
Porto Alegre,
quinta-feira, 28 de outubro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Segurança Pública

21/10/2021 - 18h57min. Alterada em 28/10 às 21h17min

RS vai investir R$ 280,3 milhões nas forças de segurança

No evento de lançamento do Avançar Segurança foram entregues cinco mil pistolas e 59 viaturas à Brigada Militar

No evento de lançamento do Avançar Segurança foram entregues cinco mil pistolas e 59 viaturas à Brigada Militar


Alefer Dias/Ascom SJSPS/Reprodução/JC
Mais de R$ 280 milhões serão destinados para a compra de viaturas, equipamentos e tecnologias para as forças de segurança do Rio Grande do Sul. Esse valor é o dobro da soma do que foi investido nos últimos 13 anos. “É uma virada de jogo, o Estado não conseguia pagar nem o salário e agora paga seus compromissos, reduz impostos e abre investimentos", pontuou o governador Eduardo Leite, no evento de lançamento do plano Avançar na Segurança, que ocorreu nesta quinta-feira (21) em Porto Alegre.
De 2007 a 2020, o Estado investiu, no total, R$ 127 milhões na pasta. Agora, o projeto integrante do programa transversal Avançar, destinará R$ 280,3 milhões para compra de viaturas, equipamentos, tecnologia e realização de obras até 2022. Assim como os demais projetos já anunciados do programa Avançar (saúde, cultura, infraestrutura e educação), o Avançar na Segurança conta com valores exclusivamente de origem no Tesouro Estadual, fruto das reformas estruturantes realizadas pela atual gestão e de recursos extraordinários das privatizações.
“Como operador da segurança há bastante tempo, achei que nunca viveria um momento como este, em que o Estado teria capacidade de fazer um volume como este de investimentos para qualificar a segurança”, afirmou o vice-governador e titular da Secretaria de Segurança Pública (SSP), Ranolfo Vieira Júnior.
Entre os investimentos, ele chama atenção para o avião monomotor, com custo estimado de R$ 20 milhões, da Brigada Militar. “É uma aeronave que se transforma em uma UTI aeromédica e que transporta até duas toneladas de carga. A SSP foi fundamental na distribuição das vacinas, então transporte de carga é fundamental”, comentou Ranolfo.
Outros investimentos que podem ser ressaltados é a contratação, em comodato, de 300 câmeras corporais para implantação de um projeto-piloto de utilização pela Brigada Militar e pela Polícia Civil em Porto Alegre. O recente relatório produzido pelo Grupo de Trabalho de Enfrentamento à Violência Contra Pessoas Negras, conduzido pela Secretaria da Igualdade, Cidadania, Direitos Humanos e Assistência Social, recomendou o uso da ferramenta como instrumento para qualificar as apurações de eventuais abusos.
“Nos bombeiros, chamo atenção para as duas escadas automecânicas. Até hoje, eles tinham uma”, disse o responsável pela SSP. Os dois caminhões, com escada automecânica articulada, com alcance mínimo de 42 metros de altura, têm custo total de R$ 17 milhões.
O Corpo de Bombeiros Militar alegou, na época do incêndio do prédio da SSP, que escadas como essas eram fundamentais para a realização do trabalho. São os primeiros veículos adquiridos pelo Estado com capacidade para levar os bombeiros militares em operações de resgate e combate a incêndio estrutural por fora das edificações a alturas acima de 40 metros.
Até agora, no projeto Avançar, já foram anunciados investimentos, além dos R$ 280,2 milhões para a segurança, de R$ 1,3 bilhão para o Plano de Obras e R$ 60 milhões do Pavimenta, sem contar a parte dos municípios, em infraestrutura. Também foram divulgados R$ 250 milhões para a saúde, R$ 76,1 milhões para a cultura, R$ 112,3 milhões para inovação e mais R$ 1,2 bilhão para educação.
Leite afirmou que já anunciaram mais de R$ 3,2 bilhões e que irão ultrapassar os R$ 4 bilhões no total do programa Avançar, com investimentos ainda no sistema prisional e outras frentes que, segundo ele, logo serão lançadas. “Um Estado que há até pouco tempo não pagava suas contas e os salários em dia, agora tem capacidade e vai fazer investimentos desse porte, aprimorando os serviços públicos e cumprindo a nossa missão de melhorar a vida dos gaúchos, tudo isso com redução de impostos e pagando todos os compromissos em dia”, ressaltou o governador.

Saiba no que serão empregados os recursos do programa Avançar Segurança

Segurança Pública
  • Tecnologia: R$ 20,6 milhões;
  • Equipamentos e acessórios: R$ 3,1 milhões.
Brigada Militar
  • Viaturas: R$ 74,4 milhões;
  • Avião: R$ 20 milhões;
  • Tecnologia e armamento: R$ 29,4 milhões;
  • Nova sede para o 31º Batalhão de Polícia Militar de Guaíba e para o 33º Batalhão de Polícia Militar de Sapucaia do Sul: R$ 13 milhões.
Corpo de Bombeiros Militar
  • Ambulâncias de resgate: R$ 9,2 milhões;
  • Embarcação de busca, salvamento e combate de incêndio: R$ 3,5 milhões;
  • Caminhões de combate de incêndio: R$ 10,2 milhões;
  • Equipamentos de Proteção Individual (EPIs): R$ 2,2 milhões;
  • Sede pelotão de Guaíba: R$ 1,6 milhão.
Instituto-Geral de Perícias:
  • Viaturas: R$ 3,7 milhões;
  • Tecnologia e equipamentos: R$ 8,1 milhões;
  • Obras em Bagé e em Porto Alegre: R$ 2,9 milhões.
Polícia Civil
  • Viaturas: R$ 35,1 milhões;
  • Tecnologia para investigação criminal: R$ 36,7 milhões;
  • Construção de Centrais de Polícia em Bento Gonçalves e em Sapucaia do Sul: R$ 14 milhões.
Comentários CORRIGIR TEXTO

EXPEDIENTE

2021