Porto Alegre, segunda-feira, 25 de outubro de 2021.
Porto Alegre,
segunda-feira, 25 de outubro de 2021.

Galeria de imagens

Em novo capítulo da crise política no Peru, manifestantes fazem ato a favor do governo Castillo

Partidários do partido de esquerda Peru Livre protestaram no centro de Lima, nesta segunda-feira (25), exigindo que o presidente Pedro Castillo feche o Congresso unicameral. Os manifestantes alegam tentativa de golpe de Estado contra o presidente. A chefe do Conselho de Ministros do Peru, Mirtha Vásquez (Frente Ampla), pediu ao Congresso um voto de confiança para o novo gabinete ministerial, o segundo de Castillo em menos de 90 dias no cargo. O Peru Livre, partido que elegeu Castillo, anunciou em rede social, no último dia 15, que decidiu votar contra o novo gabinete formado pelo presidente. Na nota, o partido afirma que “existe um inocultável giro político do governo e seu gabinete à centro-direita, com representantes caviares que possuem financiamento externo”. Com a mudança, o deputado Guido Bellido (Peru Livre) saiu do posto de presidente do Conselho de Ministros – equivalente à Casa Civil – para dar lugar à ex-congressista Mirtha Vásquez. 
 

FOTO Gian Masko/AFP/JC
25/10/2021 - 18h19min