Porto Alegre, terça-feira, 20 de novembro de 2018.
Dia Nacional da Consciência Negra. Dia Universal das Crianças.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Seleção Brasileira homenageia Aldyr Schlee antes do jogo contra o Uruguai

Antes de partir para o amistoso e vencer os uruguaios por 1 a 0, os jogadores do Brasil renderam uma justa homenagem ao gaúcho que criou o desenho da camisa amarela da Seleção Brasileira. Perfilados no campo do Arsenal, o grupo liderado por Neymar e fardado com a vestimenta clássica reverenciou Aldyr Schlee, que morreu na quinta-feira passada, em Pelotas, com o tradicional minuto de silêncio. Schlee, que faleceu aos 83 anos vítima de um câncer contra o qual lutava havia dez anos, ganhou, em 1954, um concurso realizado pelo jornal Correio da Manhã para escolher um novo modelo e cores para a camisa da Seleção. O concurso foi lançado após a derrota do Brasil na Copa do Mundo de 1950. O escritor e jornalista tinha apenas 19 anos na época. Em 2016, Schlee questionou,em entrevista à Folha de S. Paulo, o uso da camiseta canarinho em manifestações anticorrupção, apontando a CBF como uma entidade corrupta. 
 

FOTO LUCAS FIGUEIREDO/CBF/DIVULGAÇÃO/JC
18/11/2018 - 12h04min
Seleção Brasileira homenageia Aldyr Schlee antes do jogo contra o Uruguai - Jornal do Comércio
Porto Alegre, terça-feira, 20 de novembro de 2018.
Dia Nacional da Consciência Negra. Dia Universal das Crianças.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Seleção Brasileira homenageia Aldyr Schlee antes do jogo contra o Uruguai

Antes de partir para o amistoso e vencer os uruguaios por 1 a 0, os jogadores do Brasil renderam uma justa homenagem ao gaúcho que criou o desenho da camisa amarela da Seleção Brasileira. Perfilados no campo do Arsenal, o grupo liderado por Neymar e fardado com a vestimenta clássica reverenciou Aldyr Schlee, que morreu na quinta-feira passada, em Pelotas, com o tradicional minuto de silêncio. Schlee, que faleceu aos 83 anos vítima de um câncer contra o qual lutava havia dez anos, ganhou, em 1954, um concurso realizado pelo jornal Correio da Manhã para escolher um novo modelo e cores para a camisa da Seleção. O concurso foi lançado após a derrota do Brasil na Copa do Mundo de 1950. O escritor e jornalista tinha apenas 19 anos na época. Em 2016, Schlee questionou,em entrevista à Folha de S. Paulo, o uso da camiseta canarinho em manifestações anticorrupção, apontando a CBF como uma entidade corrupta. 
 

FOTO LUCAS FIGUEIREDO/CBF/DIVULGAÇÃO/JC
18/11/2018 - 12h04min