Porto Alegre, quarta-feira, 24 de outubro de 2018.
Dia das Nações Unidas - ONU.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Bela, mas mortal: maior ponte do mundo é inaugurada abaixo de críticas trabalhistas

Tão grande que nem mesmo a linha do horizonte consegue marcar seu fim. Esta é a mais nova obra-prima inaugurada pelo governo chinês nesta terça-feira (23). Com 55 quilômetros de comprimento, a ponte liga três das principais cidades costeiras chinesas: Hong Kong, Macau e Zhuhai. A obra grandiosa, que custou U$ 20 bilhões, é uma forma de mostrar ao mundo o poder econômico local, que cresce a cada ano, e também é um forma de competir com a grande bacia norte-americana composta por San Francisco e Nova Iorque e também com a capital japonesa, Tóquio. Mas muitos problemas terão de ser resolvidos pelo governo de Xi Jinping, um deles é o grande números de acidentes trabalhistas e mortes. Ao todo foram contabilizadas 18 mortes durante o período da sua construção. A ponte também é alvo de críticas pela morte de animais aquáticos, causadas pelas ilhas artificiais que sustentam a obra. 
 

FOTO ANTHONY WALLACE/AFP/JC
23/10/2018 - 19h57min