Porto Alegre, quarta-feira, 29 de agosto de 2018.
Dia Nacional do Combate ao Fumo.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Despedida de Paixão Côrtes é marcada por emoção e homenagens

A morte do tradicionalista Paixão Côrtes na última segunda-feira (27) repercutiu em todo o Rio Grande do Sul e presenças de figuras públicas e anônimas marcaram a despedida ao ícone em velório realizado no Palácio Piratini. Ele estava internado no Hospital Ernesto Dornelles, em Porto Alegre, e faleceu, aos 91 anos, após complicações decorrentes de uma cirurgia para corrigir uma fratura no fêmur. Folclorista, pesquisador, compositor e radialista, Côrtes tocou a alma gaúcha de diferentes formas. As homenagens de despedida contaram com apresentação da banda da Brigada Militar e um cortejo de cavalarianos ligados ao Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), que conduziu o corpo do tradicionalista até o cemitério São Miguel e Almas, onde foi enterrado.
 

FOTO CLAITON DORNELLES /JC