Porto Alegre, sexta-feira, 01 de outubro de 2021.
Dia Nacional do Idoso e Dia do Vendedor.
Porto Alegre,
sexta-feira, 01 de outubro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Aviação

- Publicada em 01/10/2021 às 17h19min.

Azul terá nova aeronave e mais voos na malha gaúcha de interior

Aeronave Gran Caravan faz o transporte de passageiros entre Porto Alegre e cidades do interior

Aeronave Gran Caravan faz o transporte de passageiros entre Porto Alegre e cidades do interior


LUIZA PRADO/JC
Patrícia Comunello
A atuação da companhia aérea Azul na malha de interior terá duas novidades no Rio Grande do Sul. A companhia vai destinar às rotas gaúchas uma das aeronaves recém compradas e ampliará os voos já ofertados, com frequência semanal e ainda com conexão direta com Porto Alegre. A operação regional foi reforçada no começo de agosto, com oito novas ligações. 
A atuação da companhia aérea Azul na malha de interior terá duas novidades no Rio Grande do Sul. A companhia vai destinar às rotas gaúchas uma das aeronaves recém compradas e ampliará os voos já ofertados, com frequência semanal e ainda com conexão direta com Porto Alegre. A operação regional foi reforçada no começo de agosto, com oito novas ligações. 
A informação sobre o envio de um novo modelo do monoturbo-hélice Cessna Gran Caravan EX, fabricado pela norte-americana Textron Aviation, foi confirmada pela empresa. Outras duas aeronaves vão para Belo Horizonte. Há mais entregas em 2022 para a frota da Azul Conecta, que opera a malha regional.
O novo avião, com mesma capacidade de transporte dos atuais em operação, faz parte de um pacote de encomendas que a aérea comunicou em fim de setembro, mas não havia indicado que uma das unidades viria para o Rio Grande do Sul. 
Por nota, a aérea informou que a partir desta segunda (4), Bagé, Alegrete, Canela, São Borja, Santa Rosa, Santa Cruz do Sul, Erechim e Vacaria terão ligações semanais para a Capital. O número de voos semanais passará de 23 para 30 frequências. No começo do ano, houve anúncio das ligações. Bagé e Canela terão ligações diárias, explica a empresa. No caso da cidade da Serra Gaúcha, a aérea está de olho no fluxo mais intenso de turistas no fim de ano.
Outra mudança ocorre nas rotas. Até agora, as aeronaves faziam "voos circulares", com escalas em uma cidade antes de retornar para o Aeroporto Internacional Salgado Filho. A operação passará a ser direta este mês. 
Além dos destinos, a empresa já tinha voos para Santa Maria, Pelotas, Uruguaiana e Caxias do Sul, este último tem ligação apenas com o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, em São Paulo. A Azul aguarda a conclusão das obras na pista do Aeroporto de Passo Fundo para completar a malha que já havia sido anunciada.   
O impulso à oferta foi dado em 2020 com as novas regras sobre a incidência de ICMS no querosene de aviação usado nos voos no Estado. Quanto maior a frequência assentos, menos a tributação do combustível. A medida é usada para desenvolver a aviação regional.
Além do reforço local, a companhia vai ofertar "operações inéditas com foco no mercado de lazer". Segundo a empresa, o Aeroporto Salgado Filho terá ligação para destinos como Porto Seguro, Maceió e Salvador entre dezembro e janeiro, no período de alta temporada de verão, diz a Azul.  
O Cessna Gran Caravan EX transporta até nove passageiros, além de dois tripulantes e é equipado com motores Pratt e Whitney com 867 cavalos de potência. Segundo a aérea, o modelo é mais eficiente no consumo de combustível e mais silencioso frente a modelos anteriores, além de operar em velocidade de cruzeiro de 340km/h. 
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO