Porto Alegre, quarta-feira, 17 de março de 2021.
Dia Internacional da Marinha. Dia de São Patrício.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 17 de março de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Indústria

Notícia da edição impressa de 10/03/2021. Alterada em 17/03 às 14h11min

Calçados Beira Rio investe em nova fábrica no RS

Prédio possui 7,2 mil metros quadrados e abrigará um novo modelo de produção com ateliês parceiros

Prédio possui 7,2 mil metros quadrados e abrigará um novo modelo de produção com ateliês parceiros


/Calçados Beira Rio/Divulgação/JC
Vinicius Appel
Perto de completar um ano do incêndio que atingiu a unidade fabril da Calçados Beira Rio, em Mato Leitão (RS), a empresa faz os ajustes finais na nova fábrica que será inaugurada no município. Com abertura marcada para o próximo dia 9 de abril, o novo prédio, que ocupa o mesmo endereço, passou por reformulação na planta e está maior do que o antigo. A nova unidade tem 7,2 mil metros quadrados, enquanto a edificação antiga possuía 6 mil metros quadrados. O investimento para a construção do novo prédio foi de R$ 15 milhões.
No local será implementado um modelo de fabricação diferente do utilizado em outras unidades. Após a finalização da fase de corte dos calçados, a produção será encaminhada à ateliês que prestam serviços à empresa e que ficam responsáveis por complementar os produtos.
De acordo com o presidente da Calçados Beira Rio, Roberto Argenta, a nova fábrica contará com 180 funcionários, que haviam sido demitidos após o incêndio no ano passado e estão sendo recontratados. Somando aos empregados dos ateliês, a estimativa é que a fábrica vai contar com o trabalho de 1,5 mil pessoas.
Ainda em março de 2020, parte dos empregados da unidade de Mato Leitão haviam sido realocados em outras unidades da empresa. O mesmo aconteceu com a produção, que também precisou ser deslocada. A empresa calcula um prejuízo de R$ 50 milhões em razão do período de inatividade após o fogo consumir a fábrica.
Para a reconstrução da unidade foi necessário fazer a remoção do que sobrou após o incêndio. O terreno foi reformulado e contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Mato Leitão para a construção do novo prédio, considerado moderno e que teve o maquinário renovado. "Teremos possibilidade de produzir com mais qualidade", destaca Argenta.
Atualmente a Calçados Beira Rio conta com unidades em Candelária, Igrejinha, Mato Leitão, Novo Hamburgo, Osório, Roca Sales, Santa Clara, Sapiranga e Teutônia. De acordo com o presidente da empresa, uma nova fábrica será inaugurada no município de Candelária. A nova unidade já está em construção e deve ser concluída entre os meses de agosto e setembro. Quando em atividade, seguirá a mesma forma de atuação da unidade Mato Leitão e contará com o mesmo número de funcionários.
Comentários CORRIGIR TEXTO

EXPEDIENTE

2021