Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 23 de janeiro de 2020.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Aeroportos

23/01/2020 - 16h48min. Alterada em 23/01 às 19h18min

Construção do novo aeroporto de Caxias do Sul será tratada em Brasília

Prefeito de Caxias abordou trâmites da obra em audiência com o governador Eduardo Leite

Prefeito de Caxias abordou trâmites da obra em audiência com o governador Eduardo Leite


FELIPE DALLA VALLE/PALÁCIO PIRATINI/JC
A construção do novo aeroporto de Caxias do Sul (RS), localizado no distrito de Vila Oliva, será tratada em Brasília nas próximas semanas. O prefeito Flávio Cassina, que assumiu o cargo no início deste mês, esteve reunido com o governador Eduardo Leite na manhã desta quinta-feira (23) para discutir os trâmites do projeto e ressaltar a importância da obra para  a região serrana e o Estado.
A construção do novo aeroporto de Caxias do Sul (RS), localizado no distrito de Vila Oliva, será tratada em Brasília nas próximas semanas. O prefeito Flávio Cassina, que assumiu o cargo no início deste mês, esteve reunido com o governador Eduardo Leite na manhã desta quinta-feira (23) para discutir os trâmites do projeto e ressaltar a importância da obra para  a região serrana e o Estado.
A agenda na capital federal deverá contar com a participação de representantes do município e do governo do Estado, com a intenção de discutir detalhes da obra e resolver questões referentes à responsabilidade dos entes envolvidos. A data da reunião será marcada pela prefeitura de Caxias do Sul.
A Secretaria Nacional de Aviação Civil vai investir R$ 193 milhões na construção do novo aeroporto em Vila Oliva. Para que a obra comece, no entanto, é necessário desapropriar a região - iniciativa que ficou a cargo do governo estadual e custará em torno de R$ 20 milhões.
Para ajustar questões a respeito da responsabilidade que cada um dos entes envolvidos terá na obra em questão, será marcada, pela prefeitura de Caxias, uma reunião em Brasília, com participação do município, do Estado e da pasta federal.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia