Porto Alegre, quinta-feira, 22 de junho de 2017. Atualizado às 13h01.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Lojas atingidas por fogo na Avenida Azenha não tinham plano de prevenção contra incêndio

Um incêndio de grandes proporções atingiu cinco estabelecimentos na madrugada de quarta-feira (21), na Avenida Azenha. As lojas, Mundo das Flores, Grãos a Granel, Musical Azenha, Boutique Princesa e outra que não possuía a fachada identificada, faziam parte do comércio tradicional da região. Segundo a Defesa Civil, o prédio onde estão as lojas não possuía plano de prevenção contra incêndio (PPCI). Para conter as chamas, todo o efetivo dos bombeiros de Porto Alegre foi mobilizado para o local. Ruas próximas foram bloqueadas e linhas de ônibus foram afetadas. Das lojas atingidas pelas chamas, a boutique e a loja de instrumentos musicais tiveram perdas parciais, as demais foram totalmente destruídas. A demora para se obter o PPCI é uma das reclamações de proprietários de estabelecimentos vizinhos ao incêndio. As causas do incêndio ainda não foram identificadas. 
 

FOTO MARCELO G. RIBEIRO/JC