Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 31 de maio de 2017. Atualizado às 22h35.

Jornal do Comércio

Panorama

COMENTAR | CORRIGIR

Cinema

Notícia da edição impressa de 01/06/2017. Alterada em 31/05 às 17h29min

Poderosa Diana: Mulher-Maravilha estreia hoje no cinema

Gal Gadot estrela o aguardado filme sobre a Mulher-Maravilha

Gal Gadot estrela o aguardado filme sobre a Mulher-Maravilha


CLAY ENOS/DC COMICS/DIVULGAÇÃO/JC
Se o tema é empoderamento e independência feminina, o filme que estreia hoje nos cinemas é mais do que apropriado. Mulher-Maravilha, com Gal Gadot no papel principal, finalmente leva para a tela grande um dos personagens mais admirados do mundo das HQs e que, até então, foi visto apenas em animação e séries.
De 1975 a 1979, a Mulher Maravilha brilhava na televisão, interpretada por Lynda Carter. Superman só seria vivido por Christopher Reeve em 1978 e, ainda assim, é considerado o pioneiro dos grandes filmes de baseados de super-heróis. O fato é que a história ignorou a importância da Mulher-Maravilha nas telas, grandes ou pequenas. O Homem de Aço com Reeve seguiu por mais três filmes e, embora houvesse notícias de tentativas de levar a Mulher-Maravilha para os cinemas, as ideias nunca foram adiante.
Atriz israelense com passagem pelo exército do seu país e especialização em combate corpo a corpo, Gal é uma estrela em ascensão tardiamente. E a responsabilidade é grande: viver a super-heroína criada há 76 anos.
A história do filme é bem conhecida de quem tem mais de 30 anos: Diana é princesa das amazonas, criada para ser uma guerreira invencível. Vivendo em uma isolada ilha paradisíaca, Diana descobre que um grande conflito assola o mundo quando um piloto americano cai com seu avião nas areias do local.
Convencida de que é capaz de vencer a ameaça de destruição, Diana deixa a ilha. Começa, então, a lutar com homens numa guerra que tem a pretensão de acabar de vez com todas as guerras. Aos poucos, ela vai entendendo seus poderes e seu verdadeiro destino. E que o mundo não funciona tão cartesianamente.
A atriz, que mostrou um pouco de sua Mulher-Maravilha em uma breve e importante participação no filme Batman vs Superman: A Origem da Justiça (2016), ainda está surpresa ao ver seu rosto, sozinho, nos pôsteres de divulgação do longa. Não é para menos: a personagem tem uma legião enorme de fãs.
Patty Jenkins dirige o longa a partir do roteiro de Allan Heinberg, história de Zack Snyder, Allan Heinberg e Jason Fuchs. A criação do icônico personagem é de William Moulton Marston. O longa-metragem da Warner Brothers tem condições de se tornar um dos filmes mais rentáveis de 2017 – tudo vai depender da força da Mulher-Maravilha interpretada por Gal Gadot.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia