Porto Alegre, terça-feira, 04 de abril de 2017. Atualizado às 12h03.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Lenín Moreno vence Guillermo Lasso e é eleito presidente do Equador

O candidato governista Lenín Moreno, 64 anos, venceu o opositor conservador Guillermo Lasso e foi eleito presidente do Equador. O segundo turno das eleições ocorreu no domingo (2). Com 98,88% das urnas apuradas, Moreno, candidato pelo movimento socialista AP (Aliança País), somava 51,15% dos votos válidos, contra 48,85% de Lasso, candidato pelo partido Creo (Criando Oportunidades). Lasso não aceitou a derrota e declarou ter intenção de “impugnar” a apuração. Em comemoração à vitória, Moreno disse que buscará paz neste pós-eleições. “Isto apenas começa. Daqui para a frente, vamos todos trabalhar pelo país, por nosso amado Equador. O faremos em paz e harmonia”, afirmou o presidente eleito em Quito, capital do país.
 

FOTO RODRIGO BUENDIA/RODRIGO BUENDIA/AFP/JC