Porto Alegre, quinta-feira, 23 de março de 2017. Atualizado às 19h24.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Alexandre de Moraes assumiu a cadeira de Teori no STF em cerimônia discreta

O ex-ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, assumiu, nesta última quarta-feira (22), a cadeira de Teori Zavascki no Supremo Tribunal Federal (STF). A cerimônia de posse durou apenas 15 minutos e não teve coquetel de comemoração. A solenidade contou com a presença do presidente Michel Temer, do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, do presidente do Senado, Eunicío Oliveira e da ministra Cármen Lúcia. Em sua primeira entrevista como ministro do Supremo, Alexandre de Moraes foi questionado sobre a presença de nomes investigados na Operação Lava-Jato em sua cerimônia de posse. Moraes respondeu: "À posse, são convidados membros de todos os poderes, dos três poderes, dos três níveis da federação, amigos, advogados, juízes. Eu quero aproveitar para agradecer a presença de todos". Além da cadeira, o novo ministro herdará os cerca de 7,5 mil processos que estavam sob responsabilidade de Teori (morto em um acidente aéreo há dois meses).
 

FOTO FABIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR/JC