Porto Alegre,

Anuncie no JC
Jornal do Comércio. O jornal da economia e negócios do RS. 90 anos.
Minuto Varejo
Patrícia Comunello

Patrícia Comunello

Publicada em 29 de Novembro de 2023 às 01:25

Rede de autopeças dos EUA, AutoZone abrirá oito lojas no RS em 2024

Autozone Alvorada

Autozone Alvorada

/Patrícia Comunello/Especial/JC
Compartilhe:
Tem expansão no setor de supermercado no mercado gaúcho, mas tem também no varejo automecânico e com grife de fora do Brasil. A AutoZone, que abriu este ano a primeira unidade no Estado, informou à coluna Minuto Varejo que vai expandir e forte em 2024.
Tem expansão no setor de supermercado no mercado gaúcho, mas tem também no varejo automecânico e com grife de fora do Brasil. A AutoZone, que abriu este ano a primeira unidade no Estado, informou à coluna Minuto Varejo que vai expandir e forte em 2024.
LEIA TAMBÉM: Revenda de autopeças dos EUA com 6 mil lojas desembarca no RS

As novas unidades já estão mapeadas e com pontos até comprados em alguns casos, segundo a rede. Até agora a AutoZone tinha estacionado em Alvorada, na Região Metropolitana. Aliás, a cidade, colada à Capital, registra outros movimentos de varejo.

O Carnetti Open Mall e o atacarejo Stok Center, da Comercial Zaffari, abriram recentemente na cidade, somando quase R$ 100 milhões em aportes.

O avanço no território do Sul ocorre após a revendedora ultrapassar 100 filiais em São Paulo.

“Sabemos do potencial do Estado e nosso foco é levar um novo conceito para o mercado de autopeças em toda a região”, reforça, em nota, o presidente da marca no Brasil, Mauricio Bráz.

A lista de novas filiais da rede de autopeças e serviços tem até agora nove lojas, sendo três somente em Porto Alegre, nos bairros Cavalhada (Zona Sul), Cidade Baixa (ao lado do Centro Histórico) e Sarandi (Zona Norte) e duas em São Leopoldo. As demais unidades serão em Canoas, Caxias do Sul e Gravataí.
 
A empresa, com mais de 6 mio lojas em diversos países, não informa o valor do investimento no grupo de pontos. Serão abertos 100 empregos diretos.

As localidades escolhidas seguiram identificação de potencial de mercado, disponibilidade de terrenos e qualidade da mão de obra, explica a AutoZone. O perfil de cliente da rede se divide entre consumidor final e oficinas mecânicas.

Notícias relacionadas