Porto Alegre, sexta-feira, 26 de novembro de 2021.
Porto Alegre,
sexta-feira, 26 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Governo Federal

- Publicada em 25/11/2021 às 15h33min.

'Por mim, não teria Carnaval', afirma Bolsonaro

Bolsonaro também disse durante a entrevista que a vacina contra a Covid-19 perde validade depois de seis meses

Bolsonaro também disse durante a entrevista que a vacina contra a Covid-19 perde validade depois de seis meses


EVARISTO SA/AFP/JC

Apesar de se contrapor a medidas sanitárias para conter o novo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro disse ontem que, por ele, não haveria Carnaval em 2022. "Por mim, não teria Carnaval. Mas tem um detalhe, quem decide não sou eu. Segundo o STF, quem decide são os governadores e prefeitos", afirmou em entrevista à Rádio Sociedade da Bahia.

Apesar de se contrapor a medidas sanitárias para conter o novo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro disse ontem que, por ele, não haveria Carnaval em 2022. "Por mim, não teria Carnaval. Mas tem um detalhe, quem decide não sou eu. Segundo o STF, quem decide são os governadores e prefeitos", afirmou em entrevista à Rádio Sociedade da Bahia.

A declaração do presidente mais uma vez distorce a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que deu autonomia a Estados e municípios para decidirem sobre medidas de controle do coronavírus. A deliberação, contudo, nunca retirou poderes do governo federal para lidar com a pandemia.

Capitais com tradição carnavalesca devem decidir sobre o tema, e mantêm sob dúvidas a realização da festa em 2022.

Agência Estado
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO