Porto Alegre, segunda-feira, 30 de novembro de 2020.
Dia da Reforma Agrária.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 30 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

- Publicada em 03h00min, 30/11/2020.

Apesar da campanha acirrada, emedebista confiava na vitória

Marcus Meneghetti

Desde cedo, ainda pela manhã, o prefeito eleito Sebastião Melo (MDB) se dizia "muito confiante na vitória". Depois de votar na Escola Estadual de Ensino Fundamental Paraíba, na Zona Sul da Capital, Melo comparou a eleição na cidade à rivalidade futebolística entre Grêmio e Internacional - o Grenal. "Estamos muito confiantes na vitória. Mas eleição aqui em Porto Alegre é Grenal. É sempre muito disputada", analisou Melo, ao conversar com jornalistas que acompanharam o seu voto na Escola Paraíba.

Desde cedo, ainda pela manhã, o prefeito eleito Sebastião Melo (MDB) se dizia "muito confiante na vitória". Depois de votar na Escola Estadual de Ensino Fundamental Paraíba, na Zona Sul da Capital, Melo comparou a eleição na cidade à rivalidade futebolística entre Grêmio e Internacional - o Grenal. "Estamos muito confiantes na vitória. Mas eleição aqui em Porto Alegre é Grenal. É sempre muito disputada", analisou Melo, ao conversar com jornalistas que acompanharam o seu voto na Escola Paraíba.

Durante a tarde, o emedebista descansou em sua residência, enquanto aguardava o resultado da apuração. "Pretendo dar uma descansadinha em casa, pelo menos até às 16h. E tomar um bom banho para acompanhar a apuração. Acho que estou merecendo dormir uma hora, uma hora e meia, para melhorar a voz", disse aos jornalistas de manhã, na Escola Paraíba.

"Posso perder a voz, só não posso perder a eleição", brincou Melo, arrancando risadas dos jornalistas e apoiadores que estavam no colégio. Aliás, apesar de o movimento estar mais baixo em relação ao primeiro turno, quando se formaram longas filas para votação na escola, os eleitores que passaram por lá fizeram questão de cumprimentar o emedebista. Algumas pediram para tirar fotos. Melo mora a poucos quarteirões da escola onde vota. Ele foi recebido por representantes de partidos que o apoiam.

Melo afirmou que pretende trabalhar com o comitê de transição do prefeito Nelson Marchezan Júnior (PSDB). Ressaltou que vai manter inclusive o comitê técnico formado pelo tucano para planejar ações contra a pandemia de coronavírus - até que constitua o seu próprio grupo técnico.

Mais cedo, por volta das 10h30min, Melo acompanhou o voto do seu vice Ricardo Gomes (DEM), no bairro Menino Deus, e concedeu entrevista aos veículos de comunicação da Capital.

Comentários CORRIGIR TEXTO