Porto Alegre, quinta-feira, 19 de novembro de 2020.
Dia da Bandeira.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 19 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

ELEIÇÕES 2020

- Publicada em 18h43min, 19/11/2020. Atualizada em 22h03min, 19/11/2020.

Manuela recebe adesão do PV e diz que rede de apoios se contrapõe às escolhas de Melo

Montserrat Martins (e) reforçou compromisso com meio ambiente

Montserrat Martins (e) reforçou compromisso com meio ambiente


DANILO CHRISTIDIS/DIVULGAÇÃO/JC
Fernanda Crancio
No início da tarde, em ato promovido na Orla do Guaíba, em Porto Alegre, a candidata a prefeita Manuela d'Ávila recebeu formalmente o apoio do PV à sua campanha. O partido, que no primeiro turno somou 0,22% dos votos válidos com Montserrat Martins, confirmou a adesão por conta de alinhamento com um projeto de gestão sustentável para a cidade. A sigla verde soma-se ao PSOL, PDT e à Rede Sustentabilidade, que também se integraram à coligação encabeçada por PCdoB-PT nesta semana.
No início da tarde, em ato promovido na Orla do Guaíba, em Porto Alegre, a candidata a prefeita Manuela d'Ávila recebeu formalmente o apoio do PV à sua campanha. O partido, que no primeiro turno somou 0,22% dos votos válidos com Montserrat Martins, confirmou a adesão por conta de alinhamento com um projeto de gestão sustentável para a cidade. A sigla verde soma-se ao PSOL, PDT e à Rede Sustentabilidade, que também se integraram à coligação encabeçada por PCdoB-PT nesta semana.
Por meio de nota, o PV destacou que procurou ambos os candidatos que disputam o segundo turno na Capital, com o intuito de apresentar o programa de governo da sigla, mas que recebeu atenção apenas de Manuela. Dessa forma, avaliou "não haver afinidades" com o programa de governo de Melo. Segundo o documento, o PV não se guia por alinhamentos automáticos e, por isso, buscou ouvir ambas as candidaturas antes de decidir sobre o apoio. “Pensar globalmente, agir localmente, é um dos lemas dos Verdes. Em 2020, em Porto Alegre, estaremos com Manuela d’Ávila, não apenas por sua receptividade às causas ambientais – como a oposição à Mina Guaíba de carvão, uma ameaça de contaminação de nossa água e nosso ar – mas também por contemplar outros aspectos da gestão sustentável", completa a nota.
Segundo o partido, houve ainda compromisso da candidata com propostas defendidas pela sigla, como responsabilidade fiscal, captação de recursos federais e internacionais, ampliação da Guarda Municipal e do videomonitoramento, estratégia de saúde da família e de cultura da paz nas escolas e inclusão digital. A retomada do programa Pró-Guaíba, enfatizada por Martins na campanha, melhoria das redes de água e esgotos, bem como projetos sustentáveis de geração de emprego e renda também foram destacados.
Ao comentar o apoio, Manuela disse que é emblemática a aliança com mulheres e ambientalistas. "Nós defendemos um caminho novo para cidade, com mais sustentabilidade, menos poluição, com Dmae público, proteção animal e a retomada do Pró Guaíba”, afirmou.
Na agenda da candidata também tiveram gravações para os programas eleitorais, entrevista ao Jornal do Comércio (JC) e preparação para debate. Durante a visita à redação do JC, ela fez uma análise da rede de apoios aos eu projeto. "Esses partidos estão conosco não só pelo nosso programa. Também tem a ver com as escolhas do meu adversário. Esses partidos jamais estariam com alguém que nega a existência da pandemia, com quem diz que vai abrir todo o comércio e não diz que vai negociar a vacina. Esses partidos estão com a gente porque querem uma passagem de ônibus mais barata, não a licitação mal feita. Também estão conosco porque defendemos a Carris pública", enfatizou.
Comentários CORRIGIR TEXTO