Porto Alegre, domingo, 15 de novembro de 2020.
Dia da Proclamação da República.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 15 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Eleições 2020

- Publicada em 21h47min, 15/11/2020. Atualizada em 21h53min, 15/11/2020.

Belém terá segundo turno entre Edmilson Rodrigues e Delegado Federal Eguchi

Eleitores de Belém vão voltar às urnas no segundo turno para definir o prefeito da capital

Eleitores de Belém vão voltar às urnas no segundo turno para definir o prefeito da capital


TÁSSIA BARROS/FOTOS PÚBLICAS/COMUS/DIVULGAÇÃO/JC
O resultado das eleições municipais na capital paraense será definido no segundo turno. Edmilson Rodrigues (PSOL) pontuou 34,24%, ante 23,06% do Delegado Federal Eguchi (Patriotas). Ao todo, 99% dos votos válidos foram apurados.
O resultado das eleições municipais na capital paraense será definido no segundo turno. Edmilson Rodrigues (PSOL) pontuou 34,24%, ante 23,06% do Delegado Federal Eguchi (Patriotas). Ao todo, 99% dos votos válidos foram apurados.
Em terceiro lugar, ficou José Priante (17,03%), do MDB, e, em seguida, Thiago Araújo (Cidadania), com 8,08%. Cássio Andrade (PSB) obteve 6,89% dos votos; Vavá Martins (Republicanos), 6,79%; Gustavo Sefer (PSD), 3,16%; Guilherme Lessa (PTC), 0,33%; Mário Couto (PRTB), 0,16%; Cleber Rabelo (PSTU), 0,14%; Dr. Jeronimo (PMB), 0,10%. Em última colocação ficou Jair Lopes(PCO), com 0,2%. Os votos brancos e nulos somam, respectivamente, 3,39% e 5,75%.
O segundo colocado foi a grande surpresa em Belém. Aos 57 anos, o direitista disputou uma única vez um cargo público, em 2018, como deputado federal e conquistou 53 mil votos, não se elegendo à época. Ao longo da disputa à Prefeitura de Belém, ele pontuava entre o terceiro e o quarto colocado. No entanto, o resultado das urnas colocou-o à frente de Priante, candidato oficial do governador Helder Barbalho, que ocupava o segundo lugar na disputa.
Para o próximo dia 29, vão se digladiar nas urnas a extrema esquerda e a direita. O candidato do PSOL Edmilson Rodrigues conseguiu reunir os principais partidos de esquerda em torno de sua candidatura, incluindo o PT, que indicou o candidato a vice-prefeito da chapa.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO