Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 07 de agosto de 2019.

Jornal do Comércio

Política

CORRIGIR

funcionalismo

Edição impressa de 07/08/2019. Alterada em 07/08 às 03h00min

Palácio Piratini antecipa para amanhã quitação da folha de junho dos servidores

O governo do Rio Grande do Sul vai quitar os salários ainda em aberto da folha de junho do funcionalismo na quinta-feira. Inicialmente, o pagamento dos valores que faltavam estava previsto para o dia 12 de agosto. De acordo com a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz), a quitação antecipada foi possível devido à confirmação da estimativa de arrecadação, baseada em guias emitidas.
O governo do Rio Grande do Sul vai quitar os salários ainda em aberto da folha de junho do funcionalismo na quinta-feira. Inicialmente, o pagamento dos valores que faltavam estava previsto para o dia 12 de agosto. De acordo com a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz), a quitação antecipada foi possível devido à confirmação da estimativa de arrecadação, baseada em guias emitidas.
O último depósito, realizado no dia 31 de julho, quitou a folha dos servidores que recebem até R$ 6.800,00 líquidos. As consignações, que seriam pagas dia 13 de agosto, serão quitadas no dia 12. Já a folha de julho permanece com o primeiro pagamento no dia 13 de agosto, quando serão pagos os servidores que recebem até R$ 2.500,00 líquidos. Na segunda-feira, o governador Eduardo Leite (PSDB) afirmou que o pagamento de salários em dia depende de receitas extraordinárias. 
 
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia