Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 31 de março de 2021.
Dia da Integração Nacional. Dia da Saúde e Nutrição.
Porto Alegre,
quarta-feira, 31 de março de 2021.

Opinião

Compartilhar

artigo

- Publicada em 03h00min, 31/03/2021.

Não deixe fechar o teu negócio favorito

João Melo
Há poucos dias completamos um ano desde que o primeiro caso de Covid-19 era confirmado no Estado e, de lá para cá, tivemos de nos adaptar às rotinas de restrições e de cuidados. Conforme dados do Sebrae, os pequenos negócios geram 54% dos empregos formais e respondem por 44% da massa salarial do País. Mais do que isso, são responsáveis por um terço do PIB do País.
Há poucos dias completamos um ano desde que o primeiro caso de Covid-19 era confirmado no Estado e, de lá para cá, tivemos de nos adaptar às rotinas de restrições e de cuidados. Conforme dados do Sebrae, os pequenos negócios geram 54% dos empregos formais e respondem por 44% da massa salarial do País. Mais do que isso, são responsáveis por um terço do PIB do País.
Os números animam, porém o período é difícil como todos reconhecem. Com as grandes mudanças nos hábitos de consumo, decorrentes da pandemia, os pequenos empreendedores sentiram o baque, não se pode negar, mas mostraram força e capacidade de se reinventar mais uma vez. Tomaram fôlego - como o Gambrinus - para atender o cliente com delivery, pegue e leve, drive thru; respondendo via Whatsapp, telefone, direct e tantas outras opções.
Ainda assim, os impactos desse momento que parece infindável abalaram fortemente os pequenos negócios e muitos estabelecimentos, queridos de suas comunidades, precisaram encerrar as atividades e fechar portas, deixando belas memórias para trás.
Por isso, agora, mais do que nunca, as entidades que representam os pequenos empreendedores estão em campanha para que a população prestigie o pequeno comércio, comprando local. Ao "comprar local" - seja de um restaurante, bar ou varejo - você fortalece esses segmentos e faz a economia da cidade girar. Afinal, as empresas "próximas a você" são o motor que move a economia.
Nesse momento que pede união e cuidado, conclamamos você para valorizar o teu restaurante favorito ou a loja que te conhece e te atende "ali na esquina". É somente com a conscientização e o apoio de nossos clientes que conseguiremos evitar novos fechamentos e colaborar para a retomada econômica da cidade, do Estado e do País.
Proprietário do Restaurante Gambrinus
Comentários CORRIGIR TEXTO