Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 07 de agosto de 2019.

Jornal do Comércio

Opinião

COMENTAR | CORRIGIR

Artigo

Alterada em 07/08 às 14h30min

Prefeituras devem ficar atentas ao envio de dados

Prefeituras devem ficar atentas ao envio de dados
Prefeituras devem ficar atentas ao envio de dados
Tiago Serpa 
As prefeituras de todo o país devem ficar atentas ao prazo final de envio da Matriz de Saldos Contábeis (MSC) para a Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Esta nova ferramenta de fiscalização é destinada ao recebimento e acompanhamento das informações contábeis, financeiras e de estatísticas fiscais dos municípios, estados, o Distrito Federal e da União.
O envio destas informações deverá ocorrer até 30 dias após o término do mês de referência, com exceção dos meses de janeiro a junho deste ano, que podem ser enviados até o dia 31 de Julho, conforme Portaria nº 117, de 25 de Fevereiro de 2019.
Os municípios que não enviarem a MSC dentro do prazo, serão incluídos no Sistema Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias – CAUC, ficando impedidos de receber Transferências Voluntárias e de realizar a contratação de Operações de Crédito.
A tecnologia tem um papel fundamental neste processo de evolução da consolidação das contas públicas, da fiscalização e do acompanhamento das estatísticas fiscais dos municípios, uma vez que todas as informações deverão ser enviadas a STN de forma eletrônica através do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro – SICONFI.
É importante que os municípios estejam atentos aos seus sistemas de contabilidade e a sua aderência a esta nova prestação de contas. Destacamos também a importância do profissional de contabilidade que é o protagonista neste novo processo. Estes profissionais devem estar capacitados, preparados e com ferramental (software de contabilidade) para desempenharem da melhor forma possível o seu papel.
Conforme a plataforma da CNM, o Rio Grande do Sul ocupa o segundo lugar em atendimento ao envio da MSC. Nós da GOVBR, que somos líderes de mercado no fornecimento de software para a gestão pública municipal, com 130 prefeituras clientes, temos o compromisso de que 100% dos mesmos garantam o atendimento legal. Com isso, dentro de nossas rotinas, além de disponibilizar a completa solução para geração e envio da Matriz, executamos atividades de suporte e monitoramento dos envios.
Diretor de Tecnologia e Serviços da GOVBR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia