Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 24 de abril de 2019.
Dia do Agente de Viagem. Dia Internacional do Jovem Trabalhador.

Jornal do Comércio

Opinião

COMENTAR | CORRIGIR

artigo

Edição impressa de 24/04/2019. Alterada em 24/04 às 03h00min

Medicina RS sem complexo de vira-latas

Henri Siegert Chazan
Causou-nos surpresa o artigo Medicina RS - Abismo com São Paulo, publicado em 03/04 na página de Opinião do Jornal do Comércio. Quem deprecia a medicina gaúcha desconhece ou ignora os fatos. Não é preciso ir a São Paulo para encontrar excelência. Ela está presente aqui, sobretudo em Porto Alegre. Somos, cada vez mais, referência em gestão, qualidade e pesquisa em saúde. Contamos com mais de 20 hospitais, universidades, entre outros centros de ensino e pesquisa. Instituições que despontam pelos investimentos em novas estruturas e projetos que beneficiam gaúchos e gente de todo o País.
A Capital vive um momento singular: projetos inovadores de telemedicina, aqui, ajudam pacientes do Rio Grande do Sul, Norte e Nordeste. Dois novos hospitais estão a caminho, um para o tratamento do câncer. Instituições trazem novas tecnologias, como cirurgia robótica e equipamentos diagnósticos de ponta. E projetos de expansão ampliarão os leitos e de atendimento em emergência e terapia intensiva, entre outros avanços. Nos hospitais e universidades, estudos trazem novas perspectivas em diferentes áreas. Temos dois pesquisadores gaúchos na elite mundial da ciência, entre os mais citados em artigos. Recebemos eventos e debates científicos, com especialistas do Brasil e exterior discutindo o futuro da saúde. E nossas mentes e executivos de saúde lideram o setor no País, na área privada ou pública. Sim, há problemas. Sim, temos o que aprimorar. É um desafio permanente. E só faremos isso afastando nosso complexo de vira-latas e nos unindo como sociedade. Exemplo é o Pacto Alegre, que soma múltiplos esforços por mais inovação, conhecimento e qualidade de vida. Temos convicção de que há muito o que avançar.
Para isso, devemos parar de olhar a grama do vizinho como se fosse sempre mais verde. Foco em melhorar o que é preciso e avançar nas potencialidades. O futuro acontece e a excelência está ao nosso alcance. É nossa missão torná-la realidade para toda a população.
Presidente do Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia