Porto Alegre, sexta-feira, 19 de novembro de 2021.
Dia da Bandeira.
Porto Alegre,
sexta-feira, 19 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Estados Unidos

- Publicada em 19/11/2021 às 19h57min.

Júri inocenta jovem que matou dois em ato antirracista nos EUA

Kyle Rittenhouse, à época com 17 anos, foi julgado por ter atirado com um fuzil AR-15 em três homens

Kyle Rittenhouse, à época com 17 anos, foi julgado por ter atirado com um fuzil AR-15 em três homens


Sean Krajacic/Pool/Getty Images/AFP/JC
O jovem branco de 18 anos que atirou em três homens e matou dois deles durante uma manifestação antirracista em Kenosha, nos EUA, em agosto de 2020, foi considerado inocente de todas as acusações pelo júri nesta sexta-feira (19).
O jovem branco de 18 anos que atirou em três homens e matou dois deles durante uma manifestação antirracista em Kenosha, nos EUA, em agosto de 2020, foi considerado inocente de todas as acusações pelo júri nesta sexta-feira (19).
Kyle Rittenhouse foi julgado por ter atirado com um fuzil AR-15 em Joseph Rosenbaum, Anthony Huber e Gaige Grosskreutz - os dois primeiros morreram em decorrência dos ferimentos. À época, ele tinha 17 anos.
O julgamento - que opôs o argumento da promotoria de que Rittenhouse atirou de forma imprudente nos homens à afirmação do adolescente de que ele agiu em legítima defesa - polarizou a América, expondo feridas abertas na sociedade norte-americana em torno de questões controversas como direitos às armas.
Após mais de três dias de deliberações, o júri de 12 integrantes anunciou na tarde desta sexta o veredito do caso. Ele foi inocentado de duas acusações de homicídio, uma de tentativa de homicídio e duas de ameaça à segurança pública.
Rittenhouse morava em Antioch, no estado de Illinois, a cerca de 33 km de Kenosha. Ele cruzou a divisa até o estado vizinho em resposta ao chamado de grupos civis, formados majoritariamente por pessoas brancas, que se organizaram nas redes sociais para convocar ativistas contrários à pauta dos protestos.
Esses grupos alegavam proteger propriedades de saques e depredações durante as manifestações. Rittenhouse estava armado com um fuzil AR-15. Imagens gravadas por testemunhas registraram o momento em que manifestantes tentaram desarmá-lo após ele atirar em um deles. O adolescente então fez disparos à queima-roupa contra seus perseguidores, o que resultou em duas mortes.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO