Porto Alegre, sexta-feira, 18 de setembro de 2020.
Dia Nacional da Televisão.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 18 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Bolívia

- Publicada em 14h58min, 18/09/2020.

Presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez desiste de disputar eleição

"O que está em jogo não é pouca coisa, é a democracia na Bolívia", afirmou a presidente interina

"O que está em jogo não é pouca coisa, é a democracia na Bolívia", afirmou a presidente interina


PRESIDENCIA BOLÍVIA/AFP/JC
A presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez, desistiu de concorrer nas eleições presidenciais de 18 de outubro. Ao anunciar que deixou a corrida eleitoral, na noite da quinta-feira (17), Jeanine pediu unidade das forças que se opõem ao grupo político do ex-presidente Evo Morales. "O que está em jogo não é pouca coisa, é a democracia na Bolívia", afirmou a presidente interina.
A presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez, desistiu de concorrer nas eleições presidenciais de 18 de outubro. Ao anunciar que deixou a corrida eleitoral, na noite da quinta-feira (17), Jeanine pediu unidade das forças que se opõem ao grupo político do ex-presidente Evo Morales. "O que está em jogo não é pouca coisa, é a democracia na Bolívia", afirmou a presidente interina.
Na quarta-feira (16), Jeanine apareceu em uma pesquisa eleitoral apenas na quarta posição, com 10% da preferência do eleitorado. Quem lidera com folga é o candidato aliado de Morales, o ex-ministro da Economia Luis Arce, com 26%.
Comentários CORRIGIR TEXTO