Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 27 de outubro de 2019.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

argentina

27/10/2019 - 21h44min. Alterada em 27/10 às 21h44min

Fernández tem 47,2% e Macri, 41,4% na apuração parcial (68,7% dos votos)

O oposicionista Alberto Fernández lidera a eleição presidencial da Argentina neste domingo, com 47,2% dos votos, informou a autoridade eleitoral nesta noite. Com 68,7% dos votos apurados, o presidente Mauricio Macri aparece com 41,4%.
O oposicionista Alberto Fernández lidera a eleição presidencial da Argentina neste domingo, com 47,2% dos votos, informou a autoridade eleitoral nesta noite. Com 68,7% dos votos apurados, o presidente Mauricio Macri aparece com 41,4%.
Caso os números se mantenham, Fernández será eleito presidente no primeiro turno, enquanto Macri teria um resultado melhor que o esperado. Fernández precisa de pelo menos 45% dos votos para vencer no primeiro turno, ou obter ao menos 40% e uma vantagem de ao menos 10 pontos porcentuais sobre o rival.
Candidato do movimento peronista, Fernández é o franco favorito, enquanto Macri tenta se reeleger em um quadro de recessão econômica. Fonte: Dow Jones Newswires.
 
Estadão Conteúdo
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia