Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 05 de setembro de 2019.
Dia da Amazônia.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Itália

Edição impressa de 05/09/2019. Alterada em 05/09 às 03h00min

Movimento 5 Estrelas aprova governo de coalizão com ex-rivais

Membros do Movimento 5 Estrelas votaram para formar uma coalizão com seus ex-rivais de centro-esquerda do Partido Democrático, abrindo espaço para a formação do governo. Com isso, ficou em segundo plano a possibilidade de eleição antecipada, depois de dias de instabilidade após a Liga, de Matteo Salvini, retirar apoio ao governo na tentativa de forçar uma disputa nas urnas.
Membros do Movimento 5 Estrelas votaram para formar uma coalizão com seus ex-rivais de centro-esquerda do Partido Democrático, abrindo espaço para a formação do governo. Com isso, ficou em segundo plano a possibilidade de eleição antecipada, depois de dias de instabilidade após a Liga, de Matteo Salvini, retirar apoio ao governo na tentativa de forçar uma disputa nas urnas.
O premiê Giuseppe Conte deve liderar a nova administração. Ele chegou a renunciar após Salvini deixar o governo, mas recebeu a incumbência do presidente Sergio Mattarella de tentar formar o novo governo.
Na terça-feira, o Movimento 5 Estrelas divulgou um rascunho do programa fechado com o Partido Democrático. Um dos pontos é evitar medidas de austeridade que possam prejudicar o crescimento, apresentar um salário-mínimo nacional e impulsionar investimentos em energia renovável.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia