Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 02 de janeiro de 2019.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Indonésia

Edição impressa de 02/01/2019. Alterada em 02/01 às 01h00min

Deslizamento de terra deixa 15 mortos e 20 desaparecidos

Cerca de 30 casas foram soterradas, obrigando moradores a procurar abrigos

Cerca de 30 casas foram soterradas, obrigando moradores a procurar abrigos


AFP/DIVULGAÇÃO/JC
Um deslizamento de terra causado por chuva torrencial provocou 15 mortes em uma aldeia montanhosa na Ilha de Java, na Indonésia. O desmoronamento ocorreu pouco antes do pôr do sol na segunda-feira. Cerca de 30 casas na aldeia de Sirnaresmi, no distrito de Sukabumi, em Java Ocidental, foram soterradas. Sessenta pessoas que perderam suas residências foram forçadas a se mudar para um abrigo temporário, disse o porta-voz da Agência Nacional de Mitigação de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho.
Autoridades lutaram para transportar tratores e outros equipamentos pesados por estradas danificadas. Centenas de policiais, soldados e moradores escavaram os detritos com as mãos e com pás e enxadas, mas a chuva forte atrapalhou os esforços de busca de 20 pessoas que estão desaparecidas.
Made Oka Astawa, chefe da divisão de operações da Agência National de Busca e Resgate, informou que seis corpos foram encontrados sob quatro metros de lama com a ajuda de duas escavadeiras que conseguiram chegar à área devastada. Equipes de resgate também retiraram quatro feridos, entre eles uma criança, que morreu em um hospital.
A Indonésia, incluindo a Ilha de Java, viveu uma tragédia ainda maior na semana passada, com a erupção do vulcão Anak Krakatoa, que causou um tsunami que deixou cerca de 430 mortos. 
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia