Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 24 de outubro de 2018.
Dia das Nações Unidas - ONU.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

japão

Alterada em 24/10 às 10h42min

Jornalista japonês sequestrado na Síria é libertado após três anos

Yasuda foi sequestrado em 2015 por uma frente da Al Qaeda na Síria conhecida como Frente Nusra

Yasuda foi sequestrado em 2015 por uma frente da Al Qaeda na Síria conhecida como Frente Nusra


Huseyin BOZOK/DHA/AFP/JC
Folhapress
Um jornalista japonês que havia sido sequestrado há três anos na Síria foi libertado e está em segurança na Turquia, confirmou nesta quarta-feira (24) o governo do Japão.
Representantes da embaixada japonesa na Turquia se encontraram com o jornalista Jumpei Yasuda em um centro de imigração no sul do país, próximo à fronteira com a Síria.
"Estamos extremamente satisfeitos em confirmar que Jumpei Yasuda está em segurança", afirmou o chanceler japonês, Taro Kono.
Yasuda foi sequestrado em 2015 por uma frente da Al Qaeda na Síria conhecida como Frente Nusra.
"Meu nome é Jumpei Yasuda, jornalista japonês, e fui mantido na Síria por 40 meses", diz em vídeo divulgado pela TV pública do Japão, NHK. "Agora estou na Turquia. Agora estou a salvo. Muito obrigado."
NHK disse que o vídeo foi gravado no centro de imigração.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia