Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 25 de julho de 2018.
Dia do Escritor. Dia do Motorista .

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

ásia

Edição impressa de 25/07/2018. Alterada em 25/07 às 01h00min

Rompimento de represa no Laos deixa 6,6 mil desabrigados

Centenas de pessoas estão desaparecidas e cerca de 6,6 mil ficaram desabrigadas após o rompimento de uma represa hidrelétrica localizada no sul do Laos, em uma região sujeita a grandes inundações, conforme informações de autoridades locais. A represa Xe Pian Xe Nam Noi, localizada a 550 quilômetros da capital laosiana, Vientiane, rompeu-se ontem. Segundo a Agência EFE, a água inundou seis aldeias.
A região de Attapu fica na fronteira do Laos com o Vietnã e o Camboja, no sudeste da Ásia. A represa Xe Pian Xe Nam Noi foi construída em uma parceria de empresas da Coreia do Sul com apoio de companhias do Laos e da Tailândia. Ela deveria começar a funcionar neste ano. Ainda não se sabe a causa do rompimento.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia