Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 26 de junho de 2018.
Dia Internacional de Combate às Drogas.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Imigração

Notícia da edição impressa de 26/06/2018. Alterada em 26/06 às 01h00min

Três crianças brasileiras são autorizadas a sair de abrigos nos EUA

Três das 49 crianças brasileiras que estão em abrigos nos Estados Unidos, separadas de suas famílias ao entrarem ilegalmente pela fronteira, conseguiram autorização para ficar com parentes que moram nos Estados Unidos, segundo informou ontem o Itamaraty.

De acordo com o órgão, a mãe teria conseguido uma procuração para que as crianças saíssem do abrigo onde estavam, em Tucson, no Arizona, e fossem para a casa de parentes. O Ministério das Relações Exteriores não soube informar se as crianças já saíram do abrigo.

As crianças são as mesmas encontradas no abrigo por Antar Davidson, um norte-americano cujo pai é brasileiro, que trabalhou no local como cuidador. Em entrevista ao jornal O Globo no dia 16 de junho, Davidson relatou que encontrou os irmãos - de quatro, dez e 18 anos (completados no domingo) - profundamente traumatizados. Hoje, o presidente Michel Temer tem um encontro em Brasília com o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, na qual tratará do assunto.

COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia