Porto Alegre, quarta-feira, 11 de maio de 2022.
Porto Alegre,
quarta-feira, 11 de maio de 2022.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Meio Ambiente

- Publicada em 11/05/2022 às 13h59min.

Porto Alegre assina compromisso mundial em defesa do clima

Capital irá incentivar práticas sustentáveis e a formulação de políticas para enfrentar a grave crise climática

Capital irá incentivar práticas sustentáveis e a formulação de políticas para enfrentar a grave crise climática


JEFFERSON BERNARDES/PMPA/DIVULGAÇÃO/JC
Porto Alegre passa a integrar o grupo de cidades espalhadas por todos os continentes que se comprometem a incentivar práticas sustentáveis, inovação, participação e inclusão na formulação de políticas para enfrentar a grave crise climática. Trata-se do Compromisso de Malmö, um acordo criado pelo Iclei (Governos Locais para a Sustentabilidade), uma rede global de mais de 2,5 mil governos locais e regionais comprometidos com o desenvolvimento urbano sustentável.
Porto Alegre passa a integrar o grupo de cidades espalhadas por todos os continentes que se comprometem a incentivar práticas sustentáveis, inovação, participação e inclusão na formulação de políticas para enfrentar a grave crise climática. Trata-se do Compromisso de Malmö, um acordo criado pelo Iclei (Governos Locais para a Sustentabilidade), uma rede global de mais de 2,5 mil governos locais e regionais comprometidos com o desenvolvimento urbano sustentável.
Ativo em mais de 125 países, é um instrumento de divulgação e fortalecimento de políticas de sustentabilidade. O principal foco do documento é incorporar a equidade social no centro das iniciativas sustentáveis. A adesão foi formalizada nesta quarta-feira (11), durante a participação do prefeito Sebastião Melo e do secretário municipal do Meio Ambiente, Urbanismo e Sustentabilidade, Germano Bremm, no Congresso Mundial do Iclei, na cidade sueca. Gestores municipais de diferentes continentes foram recebidos pela prefeita de Malmö, Katrin Stjernfeldt Jammeh.
 “Os desafios climáticos são graves e reais no mundo todo. Aderir ao compromisso significa que faremos parte efetiva de uma grande rede que dará instrumentos para desenvolvermos projetos sustentáveis e avançar de fato em Porto Alegre”, afirma o prefeito da capital gaúcha, que está em missão internacional na Escandinávia
Segundo Bremm, com a assinatura do documento, a prefeitura de Porto Alegre passa a ter acesso a ferramentas, recursos e boas práticas que apoiam o planejamento e a implementação do desenvolvimento sustentável na cidade. "Além de todos os projetos que já desenvolvemos, como terrários urbanos, rooftops sustentáveis, vamos acompanhar em tempo real o que o mundo está fazendo de melhor pelo clima e assim poderemos adaptar para a nossa realidade”, explica o secretário.
“O compromisso aborda o fato de que as crises do clima e da natureza afetaram profundamente componentes sociais. Sem reconhecer e focar ativamente nesses componentes, soluções de sustentabilidade podem aumentar ainda mais as desigualdades sociais”, afirma a diretora de Políticas e Projetos de Sustentabilidade da Smamus, Rovana Reale Bortolini. Os resultados serão apresentados no próximo Congresso Mundial do Iclei, em 2024.
Na Dinamarca e na Suécia, a missão gaúcha busca projetos sustentáveis que possam ser replicados na capital para cumprir o compromisso firmado na Cúpula Mundial do Clima, em Glasgow no ano passado, de reduzir as emissões de carbono em 50% até 2030 e zerar até 2050. 
Na terça-feira (10), a comitiva anunciou, em Copenhague, na Dinamarca, o início dos estudos para a licitação de contratação de projetos para a Operação Urbana Consorciada na avenida Ipiranga. Com o instrumento urbanístico, será possível construir um parque linear e despoluir o arroio Dilúvio.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário