Porto Alegre, segunda-feira, 13 de dezembro de 2021.
Porto Alegre,
segunda-feira, 13 de dezembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Responsabilidade Social

- Publicada em 13/12/2021 às 15h49min.

Hospital Moinhos lança instituto para coordenar ações sociais

Várias atividades vão integrar o Programa Transformar

Várias atividades vão integrar o Programa Transformar


ARQUIVO DO HOSPITAL MOINHOS DE VENTO/DIVULGAÇÃO/JC
Osni Machado
O Hospital Moinhos de Vento lança, nesta terça-feira (14), às 19h, o seu instituto para ampliar ações de responsabilidade social. A cerimônia oficial de inauguração do Instituto Moinhos Social (IMS) ocorre no auditório do hospital, com palestra do filósofo e escritor Luiz Felipe Pondé. O superintendente de responsabilidade social do Moinhos, Luis Eduardo Mariath, informa que a iniciativa central do instituto é o Programa Transformar para atuar em comunidades com potencialidade de melhoria de índices de desenvolvimento humano e social.
O Hospital Moinhos de Vento lança, nesta terça-feira (14), às 19h, o seu instituto para ampliar ações de responsabilidade social. A cerimônia oficial de inauguração do Instituto Moinhos Social (IMS) ocorre no auditório do hospital, com palestra do filósofo e escritor Luiz Felipe Pondé. O superintendente de responsabilidade social do Moinhos, Luis Eduardo Mariath, informa que a iniciativa central do instituto é o Programa Transformar para atuar em comunidades com potencialidade de melhoria de índices de desenvolvimento humano e social.
Mariath explica que o IMS passa a ser um dos braços da responsabilidade social do Hospital Moinhos de Vento, instituição que vem promovendo ações filantrópicas desde a sua fundação. O superintendente cita, por exemplo, o trabalho realizado pelo hospital por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS), em parceria com o Ministério da Saúde, que capacitou mais de 100 mil profissionais da rede pública no último triênio.
Segundo Mariath, o IMS tem como tarefa ser um catalisador das inúmeras iniciativas realizadas pelo Moinhos junto às comunidades mais vulneráveis. “O Proadi-SUS, obviamente, se conecta de alguma maneira a estas ações, uma vez que, desenvolvendo o SUS, também alcançamos estas comunidades”, explica. O superintendente diz que o IMS passa atuar como uma unidade organizacional interna e própria do hospital. A sua estrutura será mantida pelo Moinhos e terá a participação de organizações apoiadoras.
O IMS vai organizar e harmonizar as iniciativas no campo social e seguirá três grandes eixos. O primeiro é o de apoio para executar as ações de transformação por meio de processo de captação de recursos e do reconhecimento de parceiros. Além da arrecadação de recursos de pessoas físicas e jurídicas, o trabalho conta com um programa de voluntariado, que estimula a participação de colaboradores para atuarem nos projetos.
O segundo eixo é o do desenvolvimento institucional. Na medida em que o IMS contar com recursos, poderá se desenvolver, expandir e aprimorar as suas ações em um processo de inovação. Mariath explica que a ideia é gerar um ciclo virtuoso de desenvolvimento junto às comunidades. O IMS gera emprego que, por sua vez, gera serviços seguindo um processo continuado.
Já o terceiro eixo é o da transformação social. O Transformar é o programa âncora e conectado a ele estão também ações sociais, como assistência, cultura, esporte, educação e profissionalização, meio ambiente e saúde.
A partir de janeiro de 2022, o IMS traçará o perfil socioeconômico dos residentes no Loteamento Santa Terezinha, em Porto Alegre. O estudo avaliará as necessidades da região, bem como o impacto social para a população. No local, o hospital já desenvolve ações sociais há vários anos, como, por exemplo, a capacitação profissional de jovens, doação de vacinas contra a gripe e entrega de cestas básicas. Este ano, 450 famílias foram beneficiadas com os alimentos.
O Programa Transformar deve ter, inicialmente, a participação de cerca de 150 voluntários. E também está no projeto, instalar um espaço do IMS no Loteamento Santa Terezinha, visando um contato mais direto com a comunidade local, que reúne aproximadamente 3 mil moradores. O Instituto Moinhos Social conta com uma página na Internet, reunindo mais informações para quem desejar se candidatar ao voluntariado. Site: https://www.hospitalmoinhos.org.br/responsabilidade_social.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário