Porto Alegre, sexta-feira, 04 de dezembro de 2020.
Dia Mundial da Propaganda.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 04 de dezembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

DISTANCIAMENTO CONTROLADO

- Publicada em 18h37min, 04/12/2020. Atualizada em 18h45min, 04/12/2020.

Mapa preliminar do RS tem 20 regiões em bandeira vermelha e somente uma em laranja

Pela segunda semana consecutiva há piora no cenário da pandemia no Rio Grande do Sul

Pela segunda semana consecutiva há piora no cenário da pandemia no Rio Grande do Sul


LUIZA PRADO/JC
O recrudescimento da pandemia no Rio Grande do Sul refletiu, novamente, na classificação das bandeiras do mapa preliminar do distanciamento controlado, divulgado nesta sexta-feira (4). Das 21 regiões do Estado, apenas a de Taquara está em bandeira laranja. As demais, incluindo Porto Alegre, permanecem em bandeira vermelha, com alto risco epidemiológico da Covid-19.
O recrudescimento da pandemia no Rio Grande do Sul refletiu, novamente, na classificação das bandeiras do mapa preliminar do distanciamento controlado, divulgado nesta sexta-feira (4). Das 21 regiões do Estado, apenas a de Taquara está em bandeira laranja. As demais, incluindo Porto Alegre, permanecem em bandeira vermelha, com alto risco epidemiológico da Covid-19.
O cenário reforça o alerta emitido pelo governador Eduardo Leite na semana passada, bem como as medidas estabelecidas no decreto estadual de segunda-feira (30), que apresentou novas restrições, alteração de horários de atividades e suspensão do sistema de cogestão do distanciamento controlado, para unificar as regras.
No mapa anterior, todas as 21 regiões estavam em bandeira vermelha, mas após considerações duas regiões ficaram em laranja- Cachoeira do Sul e Guaíba. Segundo o Palácio Piratini, as 20 bandeiras vermelhas no cálculo prévio desta rodada não querem dizer que houve melhora da situação, pois houve piora em todos os indicadores. Entre as maiores variações estão o número de casos de Covid-19 ativos (aumento de 20%), os internados em leitos clínicos nos (+15%) e os óbitos (+29%) nos últimos dias.
As regiões com maior número de novos registros de hospitalizações na semana, por local de residência do paciente, são Porto Alegre (267), Caxias do Sul (162), Passo Fundo (111), Novo Hamburgo (92), Pelotas (76) e Canoas (73). Contabilizando os pacientes internados por outras causas, houve praticamente estabilidade no número de leitos de UTI ocupados e redução da razão de leitos livres para cada ocupado por Covid-19, chegando ao menor nível desde o início do distanciamento controlado: 0,62.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/png/2020/12/04/206x137/1_mapa_distanciamento-9205232.png', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5fcaa51f232c9', 'cd_midia':9205232, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/png/2020/12/04/mapa_distanciamento-9205232.png', 'ds_midia': 'mapa RS distanciamento ', 'ds_midia_credi': 'REPRODUÇÃO/JC', 'ds_midia_titlo': 'mapa RS distanciamento ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '589', 'cd_midia_h': '495', 'align': 'Left'}
Mapa preliminar tem apenas região de Taquara em laranja; Porto Alegre e outras 19 regiões seguem com bandeira vermelha.   Arte: Reprodução/Palácio Piratini
Até as 6h de domingo (6), municípios e associações ainda podem enviar pedidos de reconsideração ao mapa preliminar para o governo. Na segunda-feira (7), as bandeiras definitivas serão anunciadas, passando a vigorar entre 8 e 14 de dezembro. O governo do Estado chama a atenção para a contínua redução de leitos livres de UTI para pacientes com Covid no Estado. Há duas semanas, havia 626 leitos. Na semana passada, eram 522 e, nesta semana, o número caiu para 496.
Conforme o mapa preliminar desta 31ª rodada do distanciamento controlado, 489 municípios estão classificados em bandeira vermelha, o que corresponde a 98% da população gaúcha. Desses, 193 municípios (8,2% da população gaúcha) podem adotar protocolos de bandeira laranja, porque cumprem os critérios da Regra 0-0, não têm registro de óbito ou hospitalização de moradores nos últimos 14 dias.
Em bandeira vermelha na rodada vigente, a região de Taquara foi a única que passou para bandeira laranja no mapa preliminar. Houve redução nos registros de hospitalizações para Covid-19 nos últimos sete dias e estabilização no número de óbitos. O indicador de ativos sobre recuperados registrou 634 ativos para 1.506 recuperados.
As regiões de Cachoeira do Sul e Guaíba, as duas únicas em laranja na rodada vigente, após obterem o deferimento dos pedidos de reconsideração, apresentaram piora nos indicadores e retornaram para a condição de risco alto. Em Cachoeira do Sul,
RESUMO DA 31ª RODADA
Regiões que apresentaram piora (2)
LARANJA > VERMELHA
Guaíba
Cachoeira do Sul
Regiões que continuaram iguais (18)
VERMELHA
Bagé
Canoas
Capão da Canoa
Caxias do Sul
Cruz Alta
Erechim
Ijuí
Lajeado
Novo Hamburgo
Palmeira das Missões
Passo Fundo
Pelotas
Porto Alegre
Santa Cruz do Sul
Santa Maria
Santa Rosa
Santo Ângelo
Uruguaiana
Região que melhorou (1)
VERMELHA > LARANJA
Taquara
Comentários CORRIGIR TEXTO