Porto Alegre, quarta-feira, 11 de novembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 11 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Energia Elétrica

- Publicada em 20h12min, 11/11/2020. Atualizada em 20h19min, 11/11/2020.

Ministério informa que 80% da energia elétrica no Amapá foi restabelecida

Geradores de emergência chegaram ao Amapá no final da noite desta sexta (6)

Geradores de emergência chegaram ao Amapá no final da noite desta sexta (6)


Secom Presidência da República/Divulgação/JC
O Ministério de Minas e Energia informou nesta quarta-feira (11) que 80% da energia elétrica no Amapá foi restabelecida. Nessa manhã, entrou em operação uma unidade geradora da usina hidrelétrica Coaracy Nunes, que agregou 25 MW no fornecimento do serviço. Com isso, aumentou em cerca de 10% o atendimento atual.
O Ministério de Minas e Energia informou nesta quarta-feira (11) que 80% da energia elétrica no Amapá foi restabelecida. Nessa manhã, entrou em operação uma unidade geradora da usina hidrelétrica Coaracy Nunes, que agregou 25 MW no fornecimento do serviço. Com isso, aumentou em cerca de 10% o atendimento atual.
Segundo a pasta, o restabelecimento de 80% da carga fornecida não é alcançado de forma imediata. A previsão é de que o serviço seja retomado completamente por volta da próxima segunda-feira (16).
O Estado está sem energia desde a última terça-feira (3) após incêndio em subestação em Macapá. No total, 14 dos 16 bairros foram afetados. O fornecimento parcial foi retomado no sábado (7) e é feito por rodízio. Moradores, no entanto, ainda reclamaram que o serviço ainda apresenta falhas em algumas regiões.
A subestação é operada pela Linhas de Macapá Transmissora de Energia. A concessão pertencia à espanhola Isolux que entrou em recuperação judicial, e hoje se chama Gemini Energy. A Gemini Energy detém 85,04% de participação na linha, e 14,96% são da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), autarquia vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO