Porto Alegre, domingo, 18 de outubro de 2020.
Dia do Médico.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 18 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

EDUCAÇÃO

- Publicada em 17h12min, 15/10/2020. Atualizada em 01h46min, 18/10/2020.

Com baixa adesão ao retorno presencial, Colégio Americano não retomará atividades em outubro

Colégio Americano reavaliará  no final do mês a data de retorno das aulas presenciais

Colégio Americano reavaliará no final do mês a data de retorno das aulas presenciais


LUIZA PRADO/JC
Fernanda Crancio
Em função do baixo índice de adesão das famílias de alunos do Colégio Metodista Americano em retomar as atividades presenciais neste momento, a direção da escola, uma das mais antigas e tradicionais de Porto Alegre, decidiu manter apenas o ensino remoto ao longo de outubro. A decisão foi divulgada em comunicado enviado aos pais e será reavaliada no final do mês, junto com análise do cenário epidemiológico gaúcho e da Capital.
Em função do baixo índice de adesão das famílias de alunos do Colégio Metodista Americano em retomar as atividades presenciais neste momento, a direção da escola, uma das mais antigas e tradicionais de Porto Alegre, decidiu manter apenas o ensino remoto ao longo de outubro. A decisão foi divulgada em comunicado enviado aos pais e será reavaliada no final do mês, junto com análise do cenário epidemiológico gaúcho e da Capital.
Em pesquisa virtual feita com os pais, apenas 32% demonstraram intenção de enviar os filhos à escola nesta retomada gradual permitida, enquanto 68% optaram por seguir com a modalidade de ensino remoto.
"O Colégio Metodista Americano tem como bem maior a vida e prima sempre pela escuta e pelo diálogo com sua comunidade escolar. Assim, reafirmando sempre o compromisso com ensino de excelência, embasado no resultado da pesquisa com os familiares e atentos às últimas orientações do Conselho Nacional de Educação, permaneceremos com as aulas e as atividades remotas durante o mês de outubro, priorizando a segurança de todos frente às incertezas em relação à eficácia dos protocolos de saúde. Já dissemos e reafirmamos: nosso bem maior é a vida!", diz o comunicado oficial.
A decisão também considerou o número de professores e funcionários pertencentes ao grupo de risco da Covid-19. "Apesar de estarmos com a escola pronta para essa volta, poucas famílias demonstraram intenção de retornar à escola para o ensino presencial neste momento. Além disso, 25% dos nossos funcionários são do grupo de risco. Então, a mantenedora nos orientou a aguardar o retorno das demais escolas privadas da cidade e avaliar como será esse processo e o impacto no cenário da pandemia ", comenta a diretora pedagógica Marilice de Oliveira.
A instituição reunirá seu conselho escolar no dia 29 de outubro, para avaliar a conveniência de retorno a partir de novembro. Com aulas suspensas desde o dia 19 de março, a escola readequou o sistema de ensino às plataformas virtuais nos últimos sete meses e adaptou o currículo de acordo com a faixa etária dos alunos, promovendo aulas síncronas, videoaulas e drive thrus para a entrega de livros e materiais aos estudantes de diferentes níveis.
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/10/15/206x137/1_whatsapp_image_2020_10_15_at_18_12_24-9165619.jpeg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5f88bbc6888e7', 'cd_midia':9165619, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2020/10/15/whatsapp_image_2020_10_15_at_18_12_24-9165619.jpeg', 'ds_midia': 'Colégio Americano prepara salas de aula para o retorno presencial', 'ds_midia_credi': 'COLÉGIOAMERICANO/DIVULGAÇÃO/JC', 'ds_midia_titlo': 'Colégio Americano prepara salas de aula para o retorno presencial', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '600', 'align': 'Left'}
Salas de aulas  da escola já foram preparadas e receberam marcações de distanciamento. Crédito: Colégio Americano/Divulgação/JC
Também instituiu o Centro de Operações e Emergência em Saúde (COE) exigido, elaborou protocolos, cartilhas e capacitou os servidores. Nas últimas semanas as salas de aula vêm sendo preparadas de acordo com normas de distanciamento e demais medidas de enfrentamento à pandemia.
O Colégio Americano, que completa 135 anos na segunda-feira (19), conta com 870 alunos e 122 funcionários e professores, e pertence à Rede de Educação Metodista, que também mantém o Centro Universitário Metodista – IPA, a Faculdade Metodista de Santa Maria, além dos colégios Centenário, de Santa Maria, e União, de Uruguaiana.
Com problemas financeiros devido às irregularidades nos repasses de recursos da mantenedora nos últimos anos, o Americano vem registrando atrasos nos salários dos funcionários, e professores chegaram a paralisar atividades em algumas ocasiões, como no mês passado. Segundo Marilice, as dificuldades econômicas seguem e foram agravadas nos últimos meses, com o aumento da inadimplência e cancelamento de matrículas de 48 alunos por conta da pandemia. "Ainda houve um aumento da inadimplência nesse período, mas a mantenedora se desfez de alguns patrimônios e temos recebidos valores para regularizar as pendências, e apostamos nas rematrículas de alunos para seguir cumprindo com nossas obrigações", destacou a diretora.
De acordo com o Sindicato do Ensino Privado (Sinepe-RS), 11 escolas particulares já reabriram na Capital e outras 24 retomam as atividades na próxima segunda-feira (19). Sete instituições ainda devem retornar entre a última semana de outubro e a primeira semana de novembro.
Comentários CORRIGIR TEXTO