Porto Alegre, quarta-feira, 23 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 23 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

distanciamento controlado

- Publicada em 18h22min, 04/09/2020. Atualizada em 18h34min, 04/09/2020.

Indicadores pioram e 12 regiões ficam em bandeira vermelha no mapa preliminar

Área classificada em alto risco de contágio abrange 59,5% da população gaúcha

Área classificada em alto risco de contágio abrange 59,5% da população gaúcha


LUIZA PRADO/JC
Depois de uma semana de alívio nos indicadores da Covid-19 e de predominância da bandeira laranja, o mapa prévio do distanciamento controlado divulgado pelo governo gaúcho nesta sexta-feira (4) voltou a trazer mais regiões em vermelho. São 12 regiões classificadas em alto risco de contágio para o novo coronavírus na prévia da 18ª rodada, área que abrange 59,5% da população gaúcha.
Depois de uma semana de alívio nos indicadores da Covid-19 e de predominância da bandeira laranja, o mapa prévio do distanciamento controlado divulgado pelo governo gaúcho nesta sexta-feira (4) voltou a trazer mais regiões em vermelho. São 12 regiões classificadas em alto risco de contágio para o novo coronavírus na prévia da 18ª rodada, área que abrange 59,5% da população gaúcha.
Capão da Canoa, Taquara, Novo Hamburgo, Canoas, Guaíba, Porto Alegre, Palmeira das Missões, Erechim, Santa Cruz do Sul, Lajeado, Santo Ângelo e Cruz Alta são as regiões em vermelho. Outras nove regiões ficaram com a bandeira laranja, que representa risco médio, incluindo Ijuí e Santa Rosa, que recuaram do vermelho para o laranja. Veja no mapa abaixo:
{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/png/2020/09/04/206x137/1_mapa_bandeiras_08_a_14_set-9131075.png', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5f52ac6e00ae3', 'cd_midia':9131075, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/png/2020/09/04/mapa_bandeiras_08_a_14_set-9131075.png', 'ds_midia': 'Distanciamento controlado - mapa preliminar 18ª rodada', 'ds_midia_credi': 'DIVULGAÇÃO/JC', 'ds_midia_titlo': 'Distanciamento controlado - mapa preliminar 18ª rodada', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '663', 'align': 'Left'}
A nova configuração indica que houve piora dos indicadores em comparação ao mapa em vigor ao longo desta semana, em que apenas quatro regiões estavam classificadas em vermelho. A mudança no quadro de risco se dá pelo aumento das internações de pacientes com o vírus. As regiões de Capão da Canoa, Erechim, Palmeira das Missões, Cruz, Guaíba e Lajeado foram as que apresentaram piora mais significativa nos últimos sete dias, segundo avaliação do governo do Estado.
Os municípios têm até domingo (6) para contestarem a classificação das bandeiras. O mapa definitivo do distanciamento controlado entra em vigor na próxima terça-feira (8). Até o momento, 16 regiões já aderiram à cogestão do modelo. O pedido de Erechim está em análise.

Regiões habilitadas para gestão compartilhada do distanciamento controlado:

  • Capão da Canoa
  • Taquara
  • Novo Hamburgo
  • Canoas
  • Porto Alegre
  • Santo Ângelo
  • Cruz Alta
  • Ijuí
  • Santa Rosa
  • Palmeira das Missões
  • Passo Fundo
  • Pelotas
  • Caxias do Sul
  • Cachoeira do Sul
  • Santa Cruz do Sul
  • Lajeado
Comentários CORRIGIR TEXTO