Porto Alegre, sexta-feira, 24 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 24 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Sistema prisional

- Publicada em 20h52min, 23/07/2020. Atualizada em 20h52min, 23/07/2020.

Número de infectados por Covid-19 em presídios será divulgado diariamente

Boletim diário trará registro de casos confirmados, suspeitos e descartados, além do número de hospitalizações e eventuais óbitos por Covid-19

Boletim diário trará registro de casos confirmados, suspeitos e descartados, além do número de hospitalizações e eventuais óbitos por Covid-19


SONNY TUMBELAKA/AFP/JC
Gabriela Porto Alegre
A Secretaria da Administração Penitenciária (Seapen) passou a divulgar, nesta quinta-feira (23), um boletim diário sobre o avanço da Covid-19 nas casas prisionais do Rio Grande do Sul. A iniciativa já era prevista desde o final de junho, mas só foi implementada no site da Seapen nesta semana. A atualização diária é feita a partir dos dados levantados pelo Departamento de Planejamento, que recebe as informações das Delegacias Regionais.
A Secretaria da Administração Penitenciária (Seapen) passou a divulgar, nesta quinta-feira (23), um boletim diário sobre o avanço da Covid-19 nas casas prisionais do Rio Grande do Sul. A iniciativa já era prevista desde o final de junho, mas só foi implementada no site da Seapen nesta semana. A atualização diária é feita a partir dos dados levantados pelo Departamento de Planejamento, que recebe as informações das Delegacias Regionais.
O boletim diário conta com os casos confirmados, suspeitos e descartados da doença, além do número de hospitalizações e eventuais óbitos. Dentre outras informações disponibilizadas pelo site da pasta, estão ainda as normativas e publicações oficiais da Seapen e da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), desde o início da pandemia.
De acordo com os dados divulgados, até quarta-feira (22) o Estado tinha 224 presos contaminados e em quarentena e 60 com suspeita de Covid-19 em isolamento. Dos mais de 40 mil presos que compõem o sistema carcerário gaúcho, 3.153 fizeram testes para investigar se estavam com a doença. Ao todo, 2.869 casos foram descartados. Dos que testaram positivo, 217 - 214 do regime fechado e três do semiaberto -, estão recuperados.
As maiores incidências da doença foram notificadas na Penitenciária Estadual do Jacuí (113 casos), no Instituto Penal de São Leopoldo (67 confirmados e quatro suspeitos), no Presídio Estadual de Lajeado (22 confirmados e 21 suspeitos) e no Presídio Estadual de Três Passos (sete confirmados e um suspeito). Em Porto Alegre, local onde está localizada a Cadeia Pública (Presídio Central) - maior penitenciária gaúcha -, apenas três casos foram confirmados e, segundo o boletim, não há nenhum preso com suspeita da doença.
Comentários CORRIGIR TEXTO