Porto Alegre, sábado, 26 de setembro de 2020.
Dia Nacional dos Surdos.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 26 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

São Paulo

- Publicada em 10h01min, 10/02/2020. Atualizada em 10h15min, 10/02/2020.

Forte chuva em São Paulo interdita Marginal Tietê e provoca grandes alagamentos

Forte chuva deixou veículos submersos e levou à interdição da ponte das Bandeiras na capital paulista

Forte chuva deixou veículos submersos e levou à interdição da ponte das Bandeiras na capital paulista


TV GLOBO/REPRODUÇÃO/JC
Uma forte chuva atinge a capital paulista no começo da manhã desta segunda-feira (10). De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climática (CGE), o volume de água que atingiu a capital foi de 67 mm nas últimas 24 horas, com 77 pontos de alagamentos registrados na grande São Paulo durante o início do dia, 61 deles intransitáveis. Os bairros de alerta são Ipiranga, Butantã e Perus.
Uma forte chuva atinge a capital paulista no começo da manhã desta segunda-feira (10). De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climática (CGE), o volume de água que atingiu a capital foi de 67 mm nas últimas 24 horas, com 77 pontos de alagamentos registrados na grande São Paulo durante o início do dia, 61 deles intransitáveis. Os bairros de alerta são Ipiranga, Butantã e Perus.
O Corpo de Bombeiros orienta que as pessoas não saiam de casa ou tentem enfrentar o temporal e os alagamentos. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) suspendeu o rodízio para carros leves e caminhões. No entanto, permanece a restrição para circulação de caminhões e fretados nas zonas em que já são impedidos de circularem. A empresa bloqueou o acesso à Marquês de São Vicente.
Sem condições de fazer atendimentos, diversos serviços cancelam atendimentos. O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) determinou a suspensão do expediente em todas as unidades judiciais da capital paulista. A Polícia Federal também tomou a mesma atitude na Superintendência Regional. Os estrangeiros e requerentes de passaporte que haviam marcado horários para esta segunda poderão comparecer ao local até o dia 28 sem necessidade de reagendamento.
Até as 6h05min, o CGE da prefeitura de São Paulo registrava 56 pontos de alagamento, sendo 49 deles intransitáveis. Na Zona Norte, só a Casa Verde registra sete pontos de alagamento, todos eles sem possibilidade de trânsito. A Lapa é a região da cidade com o maior números de pontos alagados totalizando 20 regiões críticas. A Marginal Tietê está interrompida e alguns pontos da Marginal Pinheiros permanecem alagados.
A orientação do órgão é para que as pessoas não saiam de casa ou tentem enfrentar o temporal e os alagamentos. De acordo com o Corpo de Bombeiros, até às 5h50min, o órgão recebeu 24 acionamentos por desabamentos, 192 para enchentes e 22 para quedas de árvores. Uma adolescente de 16 anos foi retirada de um soterramento e encaminhada para o hospital, porém sem ferimentos graves.
Além disso, de acordo com a CPTM, as chuvas provocaram alagamentos na Linha 9 - Esmeralda e os trens não estão circulando entre as estações Osasco e Santo Amaro. Ainda segundo o órgão, os passageiros aguardam a chegada de ônibus para atender o trajeto. Das sete linhas de trem, cinco operam normalmente. A Linha Diamante também opera parcialmente, com interrupção entre Comandante Sampaio e Itapevi. A Companhia do Metrô de São Paulo afirma que o sistema funciona normalmente em todas as linhas.
De acordo com o CGE, a previsão é que a chuva continue ao longo de todo o dia e, no final da manhã, já atinja o nível moderado. A temperatura pode variar entre 18º e 22ºC.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO