Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 08 de novembro de 2019.
Dia Mundial do Urbanismo.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Trânsito

08/11/2019 - 18h25min. Alterada em 08/11 às 18h32min

Obras em avenida de Porto Alegre causam engarrafamento e lentidão no trânsito

Obras na avenida Ipiranga devem se prolongar até o primeiro trimestre de 2020

Obras na avenida Ipiranga devem se prolongar até o primeiro trimestre de 2020


MARCO QUINTANA/JC
Fernanda Soprana
Obras para melhorar o asfalto da avenida Ipiranga, uma das principais ligações de Porto Alegre, vêm deixando o trânsito lento e irritando motoristas. Nesta sexta-feira (8), lentidão e engarrafamento marcaram o fluxo na região.  
Obras para melhorar o asfalto da avenida Ipiranga, uma das principais ligações de Porto Alegre, vêm deixando o trânsito lento e irritando motoristas. Nesta sexta-feira (8), lentidão e engarrafamento marcaram o fluxo na região.  
A intervenção faz parte da requalificação asfáltica que ocorre em diversas vias da Capital. A Divisão de Conservação de Vias Urbanas (DCVU) afirmou que o trecho que recebeu as camadas de asfalto nesta sexta, entre as ruas Silva Só e Ramiro Barcelos, tinham previsão de ser concluídas ainda nesta sexta. Mas a requalificação funcional de toda a extensão deve se estender até o primeiro trimestre de 2020. O próximo trecho a ter obras vai da Ramiro Barcelos até a avenida João Pessoa. 
{'nm_midia_inter_thumb1':'', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5c6f03d777ac4', 'cd_midia':8634598, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/gif/2019/02/21/banner_whatsapp_280x50px_branco-8634598.gif', 'ds_midia': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'ds_midia_credi': 'Thiago Machado / Arte JC', 'ds_midia_titlo': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '280', 'cd_midia_h': '50', 'align': 'Center'}
A movimentação é acompanhada pela Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC). As intervenções  envolvem a fresagem e aplicação de uma nova camada de asfalto em vias de maior fluxo da Capital, para evitar a ocorrência de futuros buracos. A fresagem é realizada durante a noite, enquanto que a aplicação do asfalto ocorre ao longo do dia.
A divisão analisou 258 vias com maior fluxo para definir a resistência ao impacto dos veículos. O cronograma de obras foi organizado de acordo com a necessidade das vias. A requalificação começou nas avenidas Mauá e Conceição, próximo à Estação Rodoviária, no Centro Histórico. Também receberam os serviços as ruas Mostardeiro e Engenheiro Luís Englert (entorno do campus central da Ufrgs) e avenidas Paulo Gama, Goethe, Loureiro da Silva e João Pessoa.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia