Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 13 de abril de 2019.
Aniversário da cidade de Fortaleza/CE. Dia dos Jovens.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Trânsito

Alterada em 13/04 às 21h40min

Fisher-Price faz recall de quase 5 milhões de cadeirinhas de bebê

Agência Brasil
A empresa Fisher-Price pede aos consumidores que adquiriram as cadeiras que entrem em contato pelo site para obter reembolso. Segundo a Mattel, a decisão de recall seguiu a orientação da Comissão de Segurança de Produtos para o Consumidor dos Estados Unidos.
"Considerando os incidentes relatados nos quais o produto foi usado [...] decidimos, em parceria com a Consumer Product Safety Commission (CPSC), que o recall é a melhor ação", disse em comunicado a Fisher-Price.
No início de abril, a comissão emitiu uma advertência sobre o produto. Na advertência, o colegiado citou a morte de 32 crianças desde 2009, quando o produto começou a ser comercializado. De acordo com o comunicado, o uso da cadeira não é recomendado para bebês a partir dos 3 meses de vida, ou que já começaram a se movimentar sozinhos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia