Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Saúde

13/02/2019 - 21h05min. Alterada em 18/02 às 14h30min

Grendene doa R$ 40 milhões para novo hospital em Porto Alegre

Para retribuir o gesto dos doadores, a Santa Casa chamará a unidade de Hospital Nora Teixeira

Para retribuir o gesto dos doadores, a Santa Casa chamará a unidade de Hospital Nora Teixeira


ALEXANDRE FRITSCH/SANTA CASA/DIVULGAÇAÕ/JC
Patrícia Comunello
O casal bilionário Nora Teixeira e Alexandre Grendene, um dos empresários mais bem-sucedidos do Brasil com negócios na indústria calçadista, oficializou a doação de R$ 40 milhões para que o Complexo Hospitalar da Santa Casa de Porto Alegre construa um novo hospital que atenderá pacientes do SUS.
Um dos destaques do empreendimento é a previsão de uma emergência de adultos quatro vezes maior do que a atual, localizada no Hospital Santa Clara. Com o aporte, a emergência SUS passará dos atuais 600 metros quadrados para 2,325 mil metros quadrados.
Para retribuir o gesto dos doadores, a Santa Casa anunciou que a unidade de saúde se chamará Hospital Nora Teixeira. "Este ato de doação contribui com o acesso à saúde da população que mais necessita", afirmou Nora, ao lado do marido, ao oficializar a doação ao provedor da Santa Casa, Alfredo Englert, na tarde desta quarta-feira (13).
O hospital terá 13 andares e exigirá investimento total de R$ 177 milhões, com previsão de ficar pronto em março de 2022. A pedra fundamental do projeto será lançada nas próximas semanas, quando já começam as obras, informou a Santa Casa.
A instituição terá oito hospitais na área do Centro Histórico, depois que o Nora Teixeira ficar pronto. Englert lembrou que o complexo dependeu muito de voluntários para sobreviver e creditou aos filantropos a capacidade da instituição manter 60% dos atendimentos pelo SUS. Em 2018, o complexo registrou déficit de R$ 165 milhões com o Sistema Único de Saúde, pois os repasses do governo não cobrem os custos reais, alega a direção.
A nova emergência prevê aumento de leitos fixos de observação de 13 (atual emergência) para 28, criação de dois postos de enfermagem na observação, ampliação de posições de medicação, salas de acolhimento e consultórios e centro de diagnóstico por imagem para a emergência.

Primeira doação beneficiou pets carentes

{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2017/10/17/206x137/1_cd171017_hospital_veterinario__43_-1656768.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'59e66a633e606', 'cd_midia':1656768, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2017/10/17/cd171017_hospital_veterinario__43_-1656768.jpg', 'ds_midia': 'Instalações do novo Hospital Veterinário de Porto Alegre, entregue à prefeitura no final de 2016 e até agora não ocupado devidamente.', 'ds_midia_credi': 'CLAITON DORNELLES /JC', 'ds_midia_titlo': 'Instalações do novo Hospital Veterinário de Porto Alegre, entregue à prefeitura no final de 2016 e até agora não ocupado devidamente.', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '533', 'align': 'Left'}
Hospital na Lomba do Pinheiro ganhou o nome de Victória Grendene, filha do empresário. Foto: Claiton Dornelles/JC
É a segunda vez que os Grendene contribuem para erguer uma estrutura de atendimento em saúde na Capital. Em 2016, foi inaugurada a Unidade de Saúde Animal Victória, na zona leste, que levou o nome da filha do empresário Alexandre Grendene e teve aporte de R$ 7 milhões.
A unidade, que tem porte de hospital, tem blocos cirúrgicos, consultórios, UTI, setores de quimioterapia, fisioterapia, banco de sangue, farmácia, ambulatório, sala de recuperação para 150 cães e gatos e espaço de triagem para outros 120 pets.
Para conseguir atendimento clínico, os donos de animais domésticos devem se dirigir ao local com  comprovante de residência de Porto Alegre, carteira de identidade e comprovante de inscrição no programa Bolsa Família.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Maria 15/02/2019 18h06min
Robiso, quero lembrar-lhe que a Santa Casa de Porto Alegre, atende pacientes do estado todo e tem unidades de transplante, cirurgias uma enormidade de serviços e equipes de profissionais capacitados.
Alexandre Moreira Bolzani 15/02/2019 01h13min
Parabéns a Diretoria da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre por mais este passo na busca incessante por excelência na Saúde da população. Parabéns a família Grandene que se junta a tantas outras em favor da causa.n
Roger Dutra 14/02/2019 17h24min
Quantos milhões eles tiveram de isenção de impostos? Espero que saibam que esse valor de doação é descontado no imposto de renda.
Roger Dutra 14/02/2019 16h05min
Lembrem-se que estes valores são abatidos no imposto de renda.
Robson 14/02/2019 13h20min
Parabéns pela iniciativa... Mas poderia ter Doado para o Hospital de sua cidade natal, e onde reside a matriz de sua principal empresa.
Gui Gas 14/02/2019 10h40min
Parabéns pelo gesto humanitário. Não existem palavras para agradecer tamanho ato de bondade e amor. Que Deus abençoe toda família!
ROSE RIBEIRO 14/02/2019 10h17min
PARABÉNS PELA BELÍSSIMA ATITUDE!!
Leila Carvalho 14/02/2019 09h03min
Parabéns pela iniciativa. Que Deus continue abençoando.
Fábio da Silva 14/02/2019 08h01min
Parabéns a toda a família Grendene. Que Deus retribua muito mais para o sucesso de vocês.
Suzana 14/02/2019 00h15min
Parabéns pela iniciativa!